Foz do Iguaçu agradece e se promove em São Paulo

Por: Antonia de Toledo

 

Evento no Museu da Casa Brasileira na noite desta terça, dia 17, vai abrir ações do Programa de Investimento Promocional de Foz do Iguaçu, com especial atenção para São Paulo, principal foco emissor de turistas para o destino.  Voltado para os canais de distribuição de turismo, operadoras e agências de viagems e organizadores de eventos, o programa apresentará os principais atrativos e os sete motivos que fazem de Foz um grande destino.

 

São Paulo é estratégico para o crescimento do número de visitantes em Foz do Iguacu, já que responde por mais de 12% de todo o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil. “Queremos fortalecer a nossa presença em São Paulo, que é o principal mercado emissivo turístico nacional e com isso aumentar o número de visitantes paulistas em Foz do Iguaçu e região”, afirma Gilmar Piolla, presidente do Fundo de Promoção Turística do Iguaçu.

 

Também estarão presentes o secretário municipal do Turismo, Felipe González; o presidente e o vice-presidente do Iguassu Convention & Visitors Bureau, Mauro Sebastiany e Enio Eidt, e o presidente do Sindihotéis, Carlos Silva. Eles vão se pronunciar sobre os investimentos previstos neste programa  com detalhes do programa promovido pela Gestão Integrada do Turismo de Foz do Iguaçu, formada por Iguassu Convention & Visitors Bureau, Secretaria de Turismo, Itaipu Binacional, Fundo Iguaçu e Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

 

Novos projetos, como a implantação de uma avenida às margens dos rios Paraná e Iguaçu, com a criação de novas alternativas de lazer para visitantes e moradores também  serão temas do evento. 

 

Dados da Embratur indicam a terra das Cataratas como  o segundo destino brasileiro mais frequentado por turistas estrangeiros. A meta agora é fomentar o turismo interno e aumentar o tempo de permanência, que hoje é de 4,2 dias, com gasto médio é de R$ 233,25. O município também figura entre a lista das cinco cidades brasileiras que mais recebem turismo de eventos nacionais e internacionais, conforme pesquisa da Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA).

 

Além das Cataratas, o maior atrativo natural, o Destino Iguaçu oferece estrutura e as melhores condições para eventos,  turismo de aventura, de compras e até para ocasiões especiais, como lua de mel ou comemorações familiares. A região conta com o sexto maior parque hoteleiro do Brasil, com mais de 21 mil leitos.

 

Uma série de investimentos vem sendo realizada na cidade que recebe diariamente mais de 25 voos, das principais companhias aéreas da América Latina. Ampliação e reforma de hotéis e restaurantes, a recuperação do asfalto nas principais vias da cidade, ampliação da rede de saneamento básico, e investimento em obras de infraestrutura somam-se mais de R$1,4 bilhão, sendo R$ 1 bilhão de investimento público e R$400 milhões de investimento do setor privado.

 

 

AT

 

Deixe uma resposta