Furacão Maria se afasta das costas da República Dominicana sem causar maior impacto nos destinos turísticos

0

O furacão Maria continua a se deslocar para noroeste, afastando-se das costas da República Dominicana, sem gerar maior impacto na indústria turística do país. O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos mantém o alerta de furacão para a costa norte do país, que inclui destinos como Puerto Plata, Sosúa, Cabarete e Samaná. As condições meteorológicas são esperadas para melhorar a partir da noite de hoje.

“Na zona norte a situação está sob controle, apesar das chuvas intermitentes e dos ventos moderados que causaram a queda de algumas árvores. Fizemos um tour pela área e descobrimos que a infraestrutura hoteleira não sofreu nenhum dano e que os serviços de eletricidade e água funcionam sem problemas. As estradas estão operacionais e o aeroporto Gregorio Luperón não foi afetado”, disse Julio Almonte, vice-ministro do turismo da República Dominicana para a zona norte.

No que diz respeito aos aeroportos de Punta Cana, La Romana e Presidente Bosch em Samaná, o Instituto Dominicano de Aviação Civil (IDAC) ordenou a retomada das operações de hoje. O itinerário de voo no país deverá voltar ao normal nas próximas horas.

Por outro lado, o setor hoteleiro ativou protocolos de manipulação de furacões desde a semana passada para lidar com qualquer efeito da tempestade. “Até agora nenhum dano grave é relatado nos destinos turísticos do país.” Há limpeza e as equipes de jardinagem que operam para reparar algumas coisas que o vento e a chuva afetaram, mas felizmente não há nada que os protocolos atuais e os procedimentos estabelecidos não nos ajudaram a enfrentar”, disse Joel Santos, Presidente da Associação de Hotéis e Turismo da República Dominicana (ASONAHORES).

O Presidente da Associação de Hotéis e Turismo do Oriente (ASOLESTE), Ernesto Swift, comentou que “a infraestrutura hoteleira de Punta Cana não foi danificada, apenas o normal para ventos e chuvas desta natureza.” Os serviços nos hotéis são fornecidos com regularidade total. Em conjunto com o corpo especializado em segurança turística (CESTUR), viajamos pela área verificando o estado das estradas e a restauração do serviço elétrico em áreas afetadas”.

Por outro lado, Juan Bancalari, presidente da Associação de Hotéis e Empresas de Turismo de Samaná (AHETSA), comentou que “Samaná não relata grandes problemas e tráfego veicular na rodovia nordeste e do Atlantic Boulevard é normal.” A infraestrutura hoteleira da zona não teve danos significativos, o serviço elétrico foi restabelecido em uma das áreas que foram afetadas e o Malecon tem algumas inundações que serão resolvidas nas próximas horas.

Para o Ministério do Turismo da República Dominicana (MITUR), o bem-estar e a segurança dos nossos visitantes é uma prioridade. Portanto, manteremos vigilantes e alertas da situação até o fim do furacão passar pelo Caribe e estaremos fornecendo atualizações conforme necessário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here