Embraer e Boeing devem concluir parceria estratégica em 2020

Atraso na negociação de Embraer e Boeing tem relação com análise da Comissão Europeia

0
Embraer
Embraer realizou testes no final do mês de agosto

A transação entre Embraer e Boeing não sairá do papel neste ano. Após avaliação da Comissão Federal de Comércio (FTC) dos Estados Unidos, é a vez da Comissão Europeia realizar a segunda fase de análises do processo. A expectativa é que o processo seja concluído em 2020.

A aprovação da parceria pelos acionistas da Embraer aconteceu em fevereiro deste ano. Desde então, as companhias planejam a joint venture, que inclui operações de aeronaves comerciais e serviços relacionados ao segmento. Ao fim do processo que resultará na criação da Boeing Brasil-Commercial, a Boeing terá 80% da nova empresa, enquanto a Embraer obtém os 20% restantes.

Embraer e Boeing possuem ainda outra joint venture em planejamento. A ideia é promover e criar mercado para o modelo de aeronave KC-390, utilizando a categoria como avião de transporte multimissão. Com isso, a empresa brasileira fica com 51% do empreendimento, enquanto a Boeing atua com 49%.


Leia Também:

– Azul recebe o maior jato comercial da Embraer; confira
– Embraer oficializa venda de cinco aviões multimissão KC-390
– Boeing Brasil-Commercial é o nome da empresa da Boeing e da Embraer

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here