Golden Tulip Canela (RS) prevê conclusão de obras em 2024

O Golden Tulip Canela terá 132 unidades standard e 57 unidades suíte, além de SPA, piscina aquecida e infantil e brinquedoteca

Golden Tulip Canela
Golden Tulip Canela. Foto: reprodução

Localizado no Rio Grande do Sul, o Golden Tulip Canela novo estabelecimento do grupo Schwank Empreendimentos, prevê a conclusão das obras para o final de 2024. O projeto construtivo tem à frente Gabriel Schwank. Já a estratégia de vendas está a cargo da Quantun Comercializadora, com Hugo Oliveira.

“Gostamos de conciliar a emoção com a construção. Ao vermos a possibilidade de atribuir um valor tão grandioso ao nosso empreendimento, que são as férias em família nesse lugar paradisíaco, não pensamos duas vezes em começar a construir esse sonho”, conta Gabriel.

O Golden Tulip Canela terá 132 unidades standard e 57 unidades suíte., além de SPA, piscina aquecida e infantil, hidromassagem, sauna, academia, sala de jogos e brinquedoteca. “Assim como todos os parceiros, de grande excelência, envolvidos nesse projeto, a RCI não poderia ficar de fora. Em se tratando da maior empresa de intercâmbio de férias do mundo, a RCI agrega valor ao empreendimento e a todos os clientes que adquirirem o Golden Tulip Canela. Realmente acredito ser um grande diferencial do projeto ter uma empresa com tanto respaldo no setor de intercâmbio de férias”, Gabriel Schwank sobre a parceria com a RCI.

Fabiana Leite, líder de Operações da RCI Brasil, comemora a chegada do empreendimento ao portfólio. “Eu tenho certeza de que a entrada do Golden Tulip Canela contribui para que sejamos cada vez mais fortes na região. Já estávamos atentos a novas oportunidades que surgiriam em torno de Gramado, e vemos que Canela é uma aposta com muitos atributos para a RCI e nossa Indústria”, diz. A executiva complementa que “trata-se de um círculo virtuoso: uma vez que ampliamos nossa Indústria, contribuímos com o desenvolvimento do turismo como segmento econômico, beneficiando empreendedores (na geração de novos negócios) e profissionais (na geração de empregos) das diversas atividades que ele reúne. Além disso, não podemos esquecer do cliente final, que é o maior beneficiário de toda esta operação”.

Segundo Hugo Oliveira, CEO da Comercializadora Quantum, responsável pelas vendas do empreendimento, a sala de vendas foi aberta no formato digital, há menos de um mês. “Nesse momento estamos com a sala de vendas digital e com expectativa crescer neste formato”, explica.

Deixe uma resposta