Grupo TX prepara nova versão de serviço TXDoc

Por: Camila Oliveira

 

Com o objetivo de atingir 100% de recolhimento de notas fiscais e documentação nas mais de 20 mil transações de hospedagens tratadas por mês pela empresa, o Grupo TX já está em processo de desenvolvimento da segunda versão do TXDoc. Atrelado a um cartão virtual corporativo, o serviço permite que o hotel elimine todo o processo e custo do faturamento, assim como atrasos nos recebimentos e risco de crédito.

 

O Grupo TX iniciou o projeto piloto do TXDoc em 2009, com o intuito de ter um serviço que pudesse trabalhar com documentação e informações conciliadas referentes às hospedagens, uma vez que é fundamental para a gestão adequada dessas despesas. Segundo Walter Teixeira, presidente do Grupo TX, o modelo de faturamento e de reembolsos traz custos adicionais para toda a cadeia, tais como hotéis, agências de viagens e empresas clientes.

 

De acordo com os Indicadores Econômicos das Viagens Corporativas (IEVC), índice atualizado anualmente pela Alagev, as empresas investem cerca de R$ 12,5 bilhões por ano em hospedagens. Deste valor, estima-se que sua grande maioria seja paga no modelo faturado ou em pagamentos particulares que, posteriormente, são reembolsados.

 

Ao adotar o TXDoc, atrelado a um cartão virtual, a empresa passa a ter total clareza das informações consolidadas, o que permite melhor planejamento e execução de sua política de viagens. Em média, as empresas reduzem seus custos administrativos em aproximadamente 15% anualmente. Além disso, efetua-se uma auditoria do pagamento realizado no cartão virtual com as notas fiscais emitidas pelos hotéis, dando tranquilidade à área de controladoria das empresas.

 

“Mais de 150 contas empresariais utilizam o TXDoc neste momento e estamos atingindo altos índices de eficiência na captura e detalhamento das notas fiscais, atreladas às transações realizadas com o cartão virtual nos hotéis. Falta pouco para termos a escala necessária para lançar a versão 2 do TXDoc, que trará maior eficácia ao processo”, comemora Teixeira, que tem investido continuamente em tecnologia e qualificação de sua equipe.

 

Segundo o executivo, a nova versão do TXDoc contará com um incentivo à participação dos hotéis na construção de um produto melhor. “Já temos o desenho do novo TXDoc praticamente pronto e vamos iniciar a discussão com os bancos e hotéis, sejam eles independentes ou de redes, de forma a envolvê-los positivamente no processo. A agilidade para disponibilizar os documentos e registros das hospedagens reverterá em benefícios não só aos clientes, mas também aos hotéis” conclui Teixeira.

 

CO

Deixe uma resposta