Hilux e SW4 2012 com novos equipamentos

Por: Marcelo Alexandre

A Toyota acaba de apresentar novidades para as linhas Hilux e SW4 com motorização a diesel. Os modelos trazem o novo motor D-4D de 3.0 litros 16V com: intercooler, turbo de geometria variável, sistema common rail e injeção direta, que geram potência máxima de 171 cavalos (a 3.600 rpm) e um torque máximo de 36,7 kgf.m (entre 1.400 e 3.200 rpm). E tudo isso aliado a nova transmissão automática.

O novo motor da linha Hilux e SW4 a diesel atende às exigências do Proconve L6 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores), criado pelo conselho Nacional de Meio Ambiente – CONAMA para veículos leves de até 3,5 toneladas. O programa estabelece níveis de emissões veiculares mais baixos a partir de 2012.

Esse novo motor conta ainda com sistema de controle de emissões com funcionamento cíclico fechado, que ajusta a injeção de combustível eletronicamente, favorecendo a redução das emissões de poluentes, por meio da queima completa do combustível antes da sua liberação no escapamento. O sistema ajusta automaticamente a quantidade e o momento da injeção do combustível na câmara de combustão. Cada injetor de combustível é equipado com um sensor que comunica a pressão do combustível injetado para o computador que gerencia o motor.

 


Nova Transmissão Automáticahilux

Aa linha Hilux e SW4 2012 a diesel inclui uma nova transmissão automática de cinco velocidades, com sistema de gerenciamento eletrônico. Este dispositivo gerencia o funcionamento da transmissão, selecionando a marcha mais adequada de acordo com o estilo de direção do condutor. A atuação do sistema leva em consideração a posição do acelerador, a velocidade do veículo, a rotação do motor e a atuação dos freios e também avalia o percurso por onde o veículo está trafegando (subidas, retas ou decidas), para escolher a melhor marcha, garantido bom rendimento com menor consumo de combustível.

 

GPS integrado

Outra novidade é o sistema de navegação. Agora o GPS está incorporado à central multimídia, que conta com tela de 6,1 polegadas touchscreen e câmera de ré e conexão Bluetooth com microfone localizado no console do teto. Estão disponíveis conexões USB e Auxiliar do sistema de som compatível com iPhone e iPod.

O sistema multimídia com GPS integrado para navegação também conta com tecnologia complementar 3D Gyro e Speed Pulse, que analisa o posicionamento e andamento do veículo através de referenciais inerciais e evita a perda de navegação por eventual sombra no sinal da constelação de satélites ao percorrer o interior de túneis, garagens, encostas de morros, entre outros.

 

Novas versões
hilux

A novidade da linha Hilux 2012 a diesel é a adição da versão cabine dupla SR 4X4 com transmissão automática, que completa as versões intermediárias, antes oferecidas somente com transmissão manual de cinco velocidades.

Com a introdução da versão diesel SR 4X4 automática, a Nova Hilux 2012 está à disposição em nove configurações com motor a diesel. São elas: Chassi/Cabine 4×4, Standard cabine simples e dupla com tração 4×4, Standard cabine dupla com tração 4×4 e Power Pack (vidros, travas e retrovisores elétricos), SR cabine dupla 4×4, A/T (transmissão automática) ou M/T (transmissão manual), SRV cabine dupla 4×4 A/T (transmissão automática) ou M/T (transmissão manual) e SRV TOP 4×4 com transmissão automática. Completam a linha Hilux, ainda, as novas versões da Hilux 2.7 VVT-i Flex Fuel: SRV 4×4 e SR 4×2 (ambas com transmissão automática).

Outra novidade na linha Hilux é que o motor diesel 2.5 litros D4D de 102 cavalos foi descontinuado, o que significa que as versões Standard da Hilux passam a ser equipadas também com o novo motor diesel 3.0 litros D4D turbo intercooler de 171 cavalos.

A linha de utilitários esportivos SW4 também ganha uma nova versão, a SR 4X4 diesel 3.0 litros D-4D com transmissão automática de 5 velocidades para 5 passageiros. Com esta novidade, a linha completa fica composta por cinco versões: SR 4X4 diesel 3.0L D-4D para 5 passageiros, SRV 4X4 diesel 3.0L D-4D em configurações para 7 ou 5 passageiros, agora também equipadas com transmissão automática de 5 velocidades, uma versão SRV 4X4 4.0L V6 a gasolina com transmissão automática para 7 passageiros e a recém lançada SR 4X2 2.7L Flex Fuel com transmissão automática para cinco passageiros.

Com essas mudanças, fica clara a preocupação da Toyota em relação a chegada da nova S10 da Chevrolet e da nova Ranger da Ford. É fato que o mercado de picapes média, nunca esteve tão disputado como está agora.

Deixe uma resposta