Home in Curaçao: Ilha caribenha lança programa de lar temporário

O novo programa de Curaçao visa atender os visitantes que podem trabalhar remotamente, visitantes de longa permanência e investidores

Curaçao

O governo de Curaçao apresentou o programa @Home in Curaçao, programa que acomoda trabalhadores remotos, visitantes de longa permanência e investidores, permitindo um acesso mais fácil ao destino e a oportunidade de ter um lar temporário. O destino se compromete em ser um refúgio seguro e confortável para esses grupos.

“Curaçao provou que tem sido capaz de manter sob controle o avanço da covid-19. É evidente que a vida na ilha tem algumas características muito atraentes, especialmente agora que as pessoas em todo o mundo estão limitadas em sua liberdade de se locomover. Curaçao está extremamente bem equipada para oferecer uma opção segura e confortável”, diz Steve Martina, ministro de Desenvolvimento Econômico de Curaçao.

Os interessados devem se cadastrar no programa no formulário neste site e incluir alguns documentos, segundo seu perfil. As informações podem ser conferidas no link.

Curaçao: estrutura e oportunidade

O destino caribenho oferece a possibilidade de fazer parte de uma comunidade local e internacional. Isso inclui aproveitar muitas coisas que as pessoas gostam de fazer em casa e investir em iniciativas e projetos viáveis, beneficentes e sem fins lucrativos em uma ilha tropical.

“Um momento de relaxamento e paz de espírito é apenas uma respiração. Tudo o que você precisa fazer é erguer os olhos do laptop. Um sentimento que é reconhecido pelos muitos visitantes que estiveram em Curaçao e voltaram para mais”, conclui Martina.

Curaçao possui uma economia aberta e orientada para os investidores estrangeiros que desejam adquirir propriedades onde não restrições com relação à repatriação de lucros ou capital investido. A ilha possui a vantagem de estar fora de rota de furacões e possui vários grandes portos naturais.

Sua estrutura conta aeroporto internacional com conexões aéreas para a região do Caribe, América do Sul, América do Norte, América Central e Europa. Outros setores com potencial de investimentos incluem serviços aeroportuários e marítimos, indústrias criativas, educação transacional, setor financeiro e tecnologia da informação.

Deixe uma resposta