“O que vivi no Turismo…” Ana Maria Berto

Ana Maria Berto é a personagem da semana de “O que Vivi no Turismo”, série desenvolvida pelo Brasilturis Jornal para homenagear quem fez e faz a história da atividade no País

ana maria berto

Que Ana Maria Berto é referência no Turismo nacional todo mundo sabe. O que ainda é desconhecido pela maioria foi a forma como a atual sócia e diretora-geral da Orinter Tour & Travel iniciou sua trajetória nessa indústria. O acaso foi responsável por colocá-la na área da qual ela nunca mais saiu. Em 1975, com 18 anos, ela começou a trabalhar para complementar a renda, já que a mãe havia se divorciado.

Viagens já eram parte da rotina e foi na agência da qual era cliente que a mãe de Ana Maria bateu à porta para buscar uma colocação para a filha. “Comecei da Dimensão Turismo, como auxiliar, e fiquei lá por 25 anos”, conta. Ela é a maior prova de que o acaso é capaz de promover encontros fantásticos e que o início em uma posição de base não determina a carreira de profissionais que sabem aproveitar as oportunidades.

Depois de uma rápida passagem pela Stella Barros, em 2002, ela recebeu um convite para atuar na MMT Gapnet, operadora que havia sido criada há menos de três meses por Arnaldo Franken. “Ele me convidou para tocar a operação e eu fui muito feliz, todos fomos porque o sucesso foi bastante grande”, diz. Depois de mais de uma década, ela saiu para buscar algo além de uma ocupação: uma sociedade empresarial. “Conforme a idade chega, a gente quer estar segura”, explica.

A realização desse anseio veio com o apoio de Elza Breia (proprietária da Mixtur, de Campinas/SP) e Roberto Santos (dono da Orinter, operadora com 19 anos de atuação no Sul do País), sócios na Esferatur. Em março de 2015, eles decidem fundir os negócios em operação para criar uma nova empresa e expandir o escopo para o nacional, com atuação independente da consolidadora.

“Nosso principal desafio é ter credibilidade, entregar o que prometemos e atender aos agentes de viagens, clientes que por toda a vida me apoiaram e me fizeram chegar até aqui”, destaca. Por sua garra, determinação e inteligência, Ana Maria Berto é a personagem da semana de “O que Vivi no Turismo”, série desenvolvida pelo Brasilturis Jornal para homenagear quem fez e faz a história da atividade no País.

Confira o novo episódio da série:

Quatro décadas de história

Neste ano, o Brasilturis Jornal, pertencente à Editora Via desde 2016, comemora seu 40º aniversário. Para celebrar a data, a publicação homenageia 40 profissionais, com mais de 40 anos de atividades em Turismo, divulgando suas histórias, experiências, dificuldades e conquistas. A cada semana estreia um novo episódio, todos estão disponíveis na Web TV do portal Brasilturis.

Veja também:

O que Vivi no Turismo… Eduardo Sanovicz

O que Vivi no Turismo… Marta Rossi

O que vivi no Turismo… Marcos Arbaitman

Deixe uma resposta