Iata relata crescimento sólido mas lento na aviação global

1
Os passageiros devem se atentar ás operações de seus voos após as chuvas em São Paulo

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) anunciou resultados da aviação global referentes a novembro de 2018. De acordo com a entidade, os números apresentados são saudáveis, ​​mas moderados.

Segundo o relatório, o total de passageiro por quilômetro transportado (RPKs) subiu 6,2% em comparação a novembro de 2017. Portanto, isso representa uma ligeira desaceleração ante aos 6,3% registrados em outubro. Já a capacidade (ASKs) aumentou 6,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Enquanto isso, a taxa de ocupação caiu 0,4 ponto percentual, para 80,0%.

“Há sinais claros de que o crescimento está moderando, indo de acordo com a desaceleração da economia global. Ainda esperamos crescimento de 6% na demanda este ano. Mas as tensões comerciais, as tarifas de proteção e o Brexit são todas incertezas que pairam sobre a indústria ”, destaca o diretor geral e CEO da Iata, Alexandre de Juniac.

Novembro de 2018Fatia no mundoRPKASKTaxa de Ocupação
África2,2%2,2%1,2%69,8%
Ásia-Pacífico33,8%6,3%7,4%80,2%
Europa26,7%8,8%8,8%81,7%
América Latina5,1%6,2%6%82%
Oriente Médio9,4%2,6%5,20%69,4%
América do Norte22,8%5,1%5%83,6%
Total100%6,2%6,8%80%

Mercado internacional de passageiros

A demanda internacional de passageiros subiu 6,6% em relação ao mesmo período do ano anterior, ante 6,2% em outubro. Todas as regiões apresentaram crescimento, liderado por companhias europeias. A capacidade total subiu 6,7% e a taxa de ocupação caiu 0,1 ponto percentual, para 78,4%.

Mercado doméstico de passageiros

A demanda por viagens domésticas subiu 5,6% em comparação com o mesmo mês de 2017. O resultado demonstra seu ritmo mais lento em 11 meses e abaixo de 6,5% em outubro. Todos os mercados, exceto a Austrália, apresentaram crescimento. A capacidade doméstica subiu 6,9% e a taxa de ocupação caiu um ponto percentual, para 82,8%.

Novembro de 2018Fatia no mundoRPKASKTaxa de Ocupação
Austrália0,9%-0,7%-1,1%82,6%
Brasil1,2%5,3%4,1%83,6%
China9,1%7,2%10,2%82%
Índia1,4%13,3%19,8%84,4%
Japão1,1%1,50%3%75,6%
Rússia1,4%13,8%10,9%81,6%
Estados Unidos14,3%4,9%5,9%85,2%
Total35,9%5,6%6,9%82,8%

Leia mais sobre Aviação.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here