Iata: forte demanda de passageiros continua em junho

O tráfego total em junho de 2022 (medido em receita de passageiros-quilômetros ou RPKs) aumentou 76,2% em relação a junho de 2021

passageiros - união europeia
Foto: Divulgação

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata) anunciou dados de passageiros para junho de 2022, mostrando que a recuperação nas viagens aéreas continua forte.

O tráfego total em junho de 2022 (medido em receita de passageiros-quilômetros ou RPKs) aumentou 76,2% em relação a junho de 2021, impulsionado principalmente pela forte recuperação contínua do tráfego internacional. Globalmente, o tráfego está agora em 70,8% dos níveis pré-crise.

O tráfego doméstico para junho de 2022 aumentou 5,2% em relação ao mesmo período do ano passado. Fortes melhorias na maioria dos mercados, combinadas com a flexibilização de algumas restrições de bloqueio relacionadas à Omicron no mercado doméstico chinês, contribuíram para o resultado. O tráfego doméstico total de junho de 2022 ficou em 81,4% do nível de junho de 2019.

O tráfego internacional aumentou 229,5% em relação a junho de 2021. O levantamento das restrições de viagem na maior parte da Ásia-Pacífico está contribuindo para a recuperação. Os RPKs internacionais de junho de 2022 atingiram 65,0% dos níveis de junho de 2019.

“A demanda por viagens aéreas continua forte. Após dois anos de bloqueios e restrições nas fronteiras, as pessoas estão aproveitando a liberdade de viajar para onde puderem”, disse Willie Walsh, diretor geral da Iata.

Grafico 1 - Iata

Leia também: Ações da Embratur incrementam R$ 48,5 milhões em viagens ao Brasil

Deixe uma resposta