Iberia torna diário voo entre Montevidéu (Uruguai) e Madri (Espanha)

A rota da Iberia, operadora com um Airbus A330-200, parte todos os dias às 13h20 de Montevidéu e chega a Madri às 6h15 (horário local)
Lilian Kechichian, do turismo do Uruguai, entre executivos da Iberia, durante o anúncio das ações da companhia (Foto - Divulgação)
Lilian Kechichian, do turismo do Uruguai, entre executivos da Iberia, durante o anúncio das ações da companhia (Foto - Divulgação)

A Iberia tornou diária a rota Montevidéu (Uruguai)-Madri (Espanha), nesta semana. Desta forma, o aumento de cinco para sete voos semanais representa um aumento de 40% na frequência nas conexões e um incremento de 18 mil assentos mensais.

A rota, operadora com um Airbus A330-200, parte todos os dias às 13h20 de Montevidéu e chega a Madri às 6h15 (horário local), permitindo que outras conexões aéreas sejam feitas. No sentido contrário, a aeronave decola às 00h05 de Madri e retorna ao Uruguai às 7h50.

A ação da Iberia é parte do convenio de promoção entre o Ministério de Turismo do Uruguai e a companhia espanhola, que além do aumento de voos, divulgará a novidade na Europa e Ásia, garantindo o aumento da adesão desses continentes a Montevidéu.

“A presença média de espanhóis por ano no Uruguai é de 50 mil, e tudo isso é para aumentar as possibilidades e a frequência de chegada no país nos dá grande satisfação”, destacou Liliam Kechichian, Ministra do Turismo do Uruguai.


LEIA MAIS

+ Iberia terá frequência diária na rota Madri-Rio de Janeiro
+ Uruguai movimenta mais de US$ 9,5 milhões com turistas de cruzeiros
+ MTur do Uruguai lança Guia de Turismo Familiar; conheça

Iberia fomenta turismo entre Uruguai e Espanha

Além do incremento, a Iberia oferece aos clientes o plano “Stopover ¡Hola Madrid!” que permite comprar dois destinos ao preço de um. A promoção permite ao usuário ficar até seis noites em Madri e seguir qualquer outro destino na Espanha sem qualquer valor extra.

Da Europa, os principais mercados que geram tráfego para o Uruguai são Espanha (57%), Itália (8%), Alemanha (6%), França (5%) e Reino Unido.


Leia Também:

Airbus entrega 389 aviões e lucra 2,5 bilhões de euros até junho
Flybondi anuncia rota Buenos Aires-Florianópolis (SC) para dezembro
Iata lança agenda de capacitações sobre tecnologia em oito capitais

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui