IGLTA e Interamerican se unem para divulgar Convenção de Turismo LGBT+ em NYC

1
Clovis Casemiro (IGLTA) entre Mitsi Goulias e Dinah Policarpo (Interamerican/NYC)

Entre 24 e 27 de abril, Nova Iorque irá sediar a 36ª edição da Convenção Anual da Associação Internacional de Turismo LGBT+ (IGLTA). Em visita à redação do Brasilturis, Clóvis Casemiro, coordenador da entidade para o Brasil, anunciou a recente parceria da Interamerican Network, empresa que representa NYC no País, para a divulgação da programação.

São esperados 500 participantes de 40 países. Do Brasil, segundo Casemiro, viajam 12 pessoas. Alex Bernardes, diretor da revista ViaG – única publicação de turismo voltada ao segmento LGBT+ e produzida pela Editora Via, que também detém o Brasilturis – está entre os confirmados para a cobertura e trará novidades para agentes e operadores brasileiros que atuam ou pretendem atuar com esse nicho.

“É a primeira vez que a convenção acontece na cidade que é vitrine do mundo e destino ícone para os viajantes LGBT+. Mais ainda neste ano que marca os 50 anos de Stonewall, movimento que foi o marco do início da luta da comunidade por direitos iguais no país”, disse Casemiro. Segundo o coordenador da IGLTA, a ilha de Manhattan estará bastante concorrida em junho, com ocupação hoteleira bem acima do normal.

Isso porque o mês será todo dedicado à causa LGBT+, como estratégia para marcar o cinquentenário de Stonewall. Nova Iorque irá estrear como anfitriã da World Pride em 2019, evento que reunirá mais de 3 milhões de pessoas em torno do tema. O evento que acontece a cada dois anos já é tradicional no calendário do segmento. Em 2017, a programação aconteceu em Madri (Espanha); em 2021 será realizada em Copenhague (Dinamarca).

Outra dica para quem visita a cidade que nunca dorme neste ano é conhecer o bar Stonewall Inn, em Greenwich Village (Manhattan). “O principal palco das rebeliões da comunidade LGBT+ iniciadas em 28 de junho de 1969 foi oficializado como monumento nacional pelo ex-presidente dos EUA, Barack Obama, em 2016”, lembrou Casemiro.

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here