ILTM Latin America: Relembre o que rolou na maior feira de luxo da região

Confira dez destaques que podem ajudar a guiar as vendas
ILTM Latin America
ILTM Latin America 2019. Foto: Ana Azevedo

Não é à toa que o processo de participação na ILTM Latin America seja tão rigoroso. Afinal, o que se vê pelos corredores do evento montado no icônico Pavilhão da Bienal do Ibirapuera, em São Paulo, é uma definição de profissionalismo. Pessoas orientadas para os negócios, em busca de novos relacionamentos na região que é estratégica para muitos gestores e empreendimentos do segmento.

“O turista latino-americano tem uma maneira peculiar de percorrer o mundo que também atrai o interesse. Eles viajam em grupos familiares numerosos, normalmente compostos pelo casal com filhos e mais os avós das crianças”, disse Simon Mayle, diretor da ILTM Latin America. Outra característica que determina a importância desse mercado, na opinião do especialista, é a longa permanência. “O brasileiro fica pelo menos quatro dias em cada lugar e quer ver de tudo, além de comer muito bem”, completou.

Entre 14 e 17 de maio, foram realizadas 16 mil reuniões de negócios entre 400 marcas de luxo de 65 países do globo e 400 compradores qualificados da América Latina. Cada ponta da cadeia tinha uma agenda composta por 54 encontros de 15 minutos. Entre os buyers, convidados de 14 países que totalizaram 40 cidades latino-americanas, a organização registrou 25% de novatos. (texto continua após a galeria)

O evento apresentou tendências de consumo alinhadas ao perfil do viajante de luxo latino-americano e reforçou o Back to Life, tema que guiou toda a programação. Propostas para “voltar à vida” estão em voga entre o exigente viajante de luxo, prontamente atendido pela cadeia de fornecedores que abraçou a ideia.

Veja agora 10 destaques que podem ajudar a guiar as vendas:

1. Regent Seven Seas
Thais Heringer, Estela Farina e Patricia Curvêllo (NCL) com Glaucia Mayr (Regent Seven Seas)

A armadora que opera em 18 portos do Mediterrâneo a partir deste ano destacou o lançamento do caderno de itinerários para viagens até 2021 e a campanha “Why We Travel”, com materiais de apoio para a venda de cabines nos navios que têm sistema all inclusive até para as excursões terrestres. Entre as experiências, a Regent anunciou a “Go Local Tours” que promove passeios na companhia de moradores locais nas paradas do navio e “Wellness Tour” a bordo do Explorer. Durante o chá da tarde promovido na ILTM, as executivas reforçam a estreia do Seven Seas Explendor (em 7 de fevereiro de 2020) e os descontos de até 40% para itinerários selecionados, válidos até o fim de maio deste ano.

2. Portugal
Filipa Cardoso

Com 52 expositores, o Turismo de Portugal foi um dos recordistas da ILTM Latin America em termos de oferta de conteúdo. Além da grande delegação presente, o destino promoveu ainda uma coletiva de imprensa e foi anfitrião do coquetel oficial, que aconteceu ao final do segundo dia de evento (15), no Tivoli Mofarrej. Portugal está na moda em todos os segmentos – e não é diferente no luxo. A conquista é resultado de uma combinação positiva de transporte eficiente, disponibilidade hoteleira e gastronomia rica, presente em todas as sete regiões turísticas. Tudo guiado e envelopado por uma estratégia de promoção eficiente e aposta em nichos – com destaque para o esportivo, tour de vinhos e religioso. Por lá, a tradição conversa bem com a modernidade, o que faz de Portugal um lugar para todos os perfis.

3. Fazenda Santa Vitória
Fábia Raquel

Localizada em Queluz, na divisa de São Paulo com o Rio de Janeiro, a fazenda relembra os tempos de Brasil Colonial e aposta em experiências rurais autênticas para cativar os visitantes. Com mil hectares de área em plena Serra da Mantiqueira, a fazenda é produtiva e destino certo para casais, famílias e grupos de amigos interessados em vivenciar o campo de forma genuína, mas sem dispensar o conforto. Fábia Raquel, uma das sócias do empreendimento, destacou ainda a  gastronomia que prioriza os ingredientes frescos.

4. Vogal Luxury Beach Resort
Gefferson Alves e Robspierre Valcaccio

Prestes a abrir as portas em Natal (RN), o Vogal Luxury Beach Resort oferece 84 apartamentos em quatro categorias – luxo, prestige, premium e presidencial. A suíte top tem mais de 190 metros quadrados e conta com o serviço de um chef particular já incluído no valor da diária. Em Ponta Negra, o hotel “pé na areia” tem ainda cinco piscinas, dois restaurantes e um spa L’Occitane.

5. BLTA

A Brazilian Luxury Travel Association (BLTA) voltou à feira deste ano com uma participação mais do que especial. A associação encomendou um imenso – e brasileiríssimo – mural inspirado na natureza nacional ao artista Fernando Garroux, o Garu. Batizado de “Biomes Graffiti Brazil”, o painel de 9,7 m x 3,3 m traduz em cores vivas a nossa diversidade e chamou a atenção logo na entrada do evento. E, para provar que sustentabilidade rima com continuidade, o grafitti foi doado a uma escola municipal no bairro do Ipiranga, onde seguirá inspirando as futuras gerações.

6. Baha Mar
Andrew Girona (Rosewood), Karin Salinas (Baha Mar), Vanessa Garcia (Globalika), Chris Hemming (SLS), Cristina Diaz (Meliã Nassau Beach) e Roberto Pedrosa (Grand Hyatt)

Localizado na ilha de New Providence, em Nassau (Bahamas), o complexo turístico bilionário tem 2.300 quartos. A área de mil acres é compartilhada por três hotéis de luxo – Grand Hyatt, SLS e Rosewood – que oferecem experiências personalizadas em meio à incrível paisagem tropical. Mais do que um destino paradisíaco, entretanto, o empreendimento reforça sua contribuição para melhorar as condições da comunidade que vive em seu entorno e aumentar o número de turistas no país caribenho. No ano passado, as Bahamas receberam 6.6 milhões de visitantes internacionais e a meta é fechar 2019 com 7 milhões. A oferta aérea atual contempla 1,3 mil assentos diários e, segundo Karin, há negociações em andamento para inaugurar voos diretos partindo do México e do Brasil.

7. Belmond
Daniel Pasquali

Localizada em Anguilla, Cap Juluca é o novo carro-chefe da Belmond na região caribenha. O objetivo é proporcionar ao hóspede a sensação de fuga do mundo exterior e conexão com a natureza, sem abrir mão do luxo e conforto. “É um lugar para desconectar se desconectar do mundo e se conectar com o que é mais importante, os amigos e família”, afirma Daniel Pasquali, diretor de marketing da rede. A estrutura contém villas que variam entre três e cinco quartos, cada uma com piscina privativa e acesso direto à praia. Ao todo, são 108 quartos e suítes. O empreendimento possui ainda duas piscinas, uma delas com borda infinita, cabanas privativas na praia, spa, academia e banheiros com vista. O executivo também destacou as reformas de US$ 121 milhões no hotel La Samanna, em St. Martin, destruído pelo furacão Irma, em 2017.

8. Burgenstock

Lorena Lustenberger

Ícone da hotelaria de luxo em Lucerna (Suíça), o milionário complexo se divide em quatro hotéis com três, quatro e cinco estrelas, além de residências privadas, campo de golfe, dez restaurantes, spa médico e trilhas pelos 60 hectares de terreno. A combinação de serviços impecáveis com uma localização privilegiada – com vistas de tirar o fôlego para o lago Lucerna – a região já teve hóspedes ilustres. A lista vai de Kofi Annan a Charles Chaplin, passando por Sophia Loren que gostava tanto do local que morou lá por anos.

9. Equinox
Chris Reed

O hotel se prepara para estrear em Hudson Yards, área recém-aberta em Nova Iorque que reúne lazer, diversão, gastronomia e espaços corporativos, sendo considerado o maior investimento imobiliário de uso misto nos EUA. Quando for aberto, em 15 de julho, o Equinox Hotel terá 212 quartos, localizados nos andares 24 a 38. Todos foram projetados para promover um sono melhor, com paredes à prova de som e cortinas blackout. Os hóspedes terão acesso ao Equinox Fitness Center, espaço de cinco mil metros quadrados que se estende por dois andares e inclui um deque com vista para o Vessel, ícone dessa nova região.

10. Haven Riviera Cancun

Gisele Torrano e Marcelo Salomão

O cinco estrelas na paradisíaca região mexicana se vale da estrutura e dos serviços para se diferenciar da concorrência. A começar pelo spa My Senses com, nada mais, nada menos que 1,4 mil metros quadrados de área. Com 333 junior suites e suites – todas equipadas com cama king size -, o hotel de frente para o mar é exclusivo para adultos e fica a apenas 15 minutos do aeroporto internacional de Cancún. A aposta é em serviços premium, com oferta de cinco restaurantes, três snack bars e nove bares – sendo dois na piscina. Se o hóspede deseja ainda mais exclusividade, a dica é hospedá-lo no Serenity Club, área com direito a check in privativo e serviços exclusivos.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui