Japão anuncia retomada com “turismo de teste”

O Japão irá permitir passeios em pequenos grupos como parte de um "turismo de teste" antes de reabrir totalmente

Japão
Foto: reprodução/Pixabay

A Agência de Turismo do Japão anunciou nesta terça-feira (17), que começaria a permitir passeios em pequenos grupos como parte de um “turismo de teste” antes que o país reabrisse totalmente para visitantes estrangeiros.

A agência de turismo do país acrescentou que o teste permitirá que o governo avalie os protocolos de saúde e segurança e como lidar com infecções por covid-19 entre os participantes do estudo, de acordo com um comunicado divulgado na terça-feira pela agência de turismo do país.

“Este empreendimento nos permitirá verificar a conformidade e as respostas de emergência para prevenção de infecções e formular diretrizes para agências de viagens e operadores de acomodação”, afirmou o comunicado.

O julgamento – que foi adiado a partir do final de 2021 devido ao aumento das medidas de controle de fronteira contra a variante Omicron – será aberto a turistas triplamente vacinados da Austrália, Cingapura, Tailândia e Estados Unidos. A Agência de Turismo do Japão planejará os passeios com as agências de viagens e os condutores de turismo de entrada acompanharão os grupos de turismo em todos os momentos. Os turistas dos grupos turísticos terão itinerários de viagem fixos.

Esta última decisão ocorre quando o Japão enfrenta uma pressão crescente de empresas domésticas e da comunidade internacional para reabrir a fronteira.

No início de maio, o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, disse que o Japão reabriria o turismo este ano, de acordo com outras nações do G7, mas não forneceu um cronograma sobre quando as fronteiras seriam totalmente abertas.

As atuais medidas de entrada na fronteira do Japão permitem 10 mil novas chegadas por dia, mas não incluem turistas de lazer. No momento, podem entrar cidadãos, residentes, investigadores, estudantes, familiares de residentes e viajantes de negócios com autorização prévia. Alguns enfrentam a quarentena dependendo de onde estão chegando.


Leia também: Qatar Airways Holidays comercializa pacotes da Copa do Mundo

Deixe uma resposta