Jetsmart planeja voos domésticos no Peru

A Jetsmart também considera a abertura de novas rotas internacionais do país para destinos na América do Sul e no Caribe

coronavírs Jetsmart

Nesta terça-feira (20), a Jetsmart anunciou a abertura de voos domésticos no Peru a partir do primeiro semestre de 2021. Para a execução do serviço, a companhia deve obter a Certificação de Operador Aéreo (AOC) da Direção Geral de Aeronáutica Civil (DGAC).

“A crise pela qual a indústria está passando testou a eficácia do nosso modelo ultra low cost, flexível e eficiente. Foi uma oportunidade de inovar e explorar novos negócios que ainda não consideramos, diversificando nosso plano de expansão e participação na região. Por esse motivo, decidimos iniciar o processo de certificação de voos domésticos no Peru e nosso objetivo é nos tornar uma companhia aérea local”, explicou Estuardo Ortiz, CEO da Jetsmart.

“Acreditamos no Peru e no seu desenvolvimento. Esperamos que a recuperação da pandemia seja mais rápida nos mercados domésticos. Vemos uma oportunidade de desenvolver nosso modelo para o benefício de todos os peruanos e peruanas”, acrescentou Ortiz.

A Jetsmart visa proporcionar conexões em aeroportos pouco explorados, a fim de aumentar as opções de destinos e descongestionar os aeroportos. A companhia conta com 17 aviões Airbus A320 e opera sob os protocolos de higiene e segurança em combate à covid-19.

“A covid-19 afetou severamente o tráfego aéreo na região. Isso nos levou a readaptar e modificar o nosso plano de expansão para a frota e continuar construindo a principal companhia aérea ultra low cost da região. Nossa proposta é simples e esperamos que, nesta etapa, seja uma contribuição positiva para a conectividade, o turismo e o emprego no Peru. Uma oportunidade se abriu no mercado com a saída de algumas operadoras e estamos prontos para aproveitá-la”, acrescentou o CEO da Jetsmart.


Deixe uma resposta