Latam aumenta tempo de votação do Plano de Reorganização nos EUA

Desde maio de 2020 no processo de recuperação judicial nos EUA, o "Chapter 11", a Latam amplia, novamente, o período de votação relacionada à reestruturação

Latam
(Foto: Divulgação)

O Grupo Latam, bem como suas afiliadas no Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Peru e Estados Unidos, conseguiu outra prorrogação do prazo de votação do Plano de Reorganização com o Tribunal nos Estados Unidos. Em específico, o processo estendido foi o da solicitação de votos (Período de Solicitação) do plano de recuperação judicial (Chapter 11) no país.

A medida, de acordo com o grupo, é válida para os títulos emitidos no Chile e registrados nos Registros de Valores Mobiliários nºs 862 e 921 entre 2017 e 2018, respectivamente, até 6 de maio de 2022.

A modificação responde aos processos internos e tempos de votação exigidos pelos detentores de títulos locais. Exceto por essa prorrogação mencionada, permanece em vigor o prazo de 2 de maio de 2022 estabelecido pela corte estadunidense para o processo de solicitação de votos.

Em março passado, a Latam já obteve a confirmação de sua Declaração de Divulgação pelo Tribunal nos Estados Unidos. Na resolução, ficou estabelecido que as informações fornecidas pelo Grupo Latam ao processo foram suficientes para iniciar a votação do plano de reorganização, apresentado ao tribunal norte-americano em 26 de novembro de 2021.

Deixe uma resposta