Limitador de velocidade ajuda na segurança e a evitar multas na europa

Por: Jorge Augusto

A Ford passou a instalar na maioria de seus carros um equipamento limitador de velocidade para garantir a segurança veicular, além de uma função específica: contribuir para respeitar a velocidade nas vias públicas com a crescente utilização de radares na Europa. O dispositivo permite ao motorista selecionar a velocidade máxima para atender a regulamentação, evitando o risco de multas.

 

A Ford vendeu mais de 220 mil carros equipados com esse dispositivo no ano passado, superando todos os outros equipamentos de assistência ao motorista oferecidos na linha. No total, 86% dos clientes do Mondeo adquiriram o sistema, além  de 85% do S-MAX e 83% do Kuga. Focus, Galaxy, C-Max e Grand C-MAX são outros modelos da marca que oferecem o equipamento.

 

 Uma das razões do sucesso dessa tecnologia é a facilidade de uso: ela ajuda a limitar a velocidade do veículo com o simples apertar de um botão e dá tranquilidade para o motorista, considerando que há vias com diferentes características estabelecidas e basta um momento de distração para ultrapassar o limite legal.

 

Lançado em 2010 na Europa, o sistema permite ao motorista selecionar a velocidade entre 15 km/h a 170 km/h e evita que se tenha de ficar olhando a toda hora para o velocímetro. Quando o carro ultrapassa esse limite, a alimentação de combustível do motor é reduzida para desacelerar.

 

A Europa tem hoje um número estimado de 35 mil câmeras de velocidade instaladas. Para se ter uma ideia, um quinto dos motoristas do Reino Unido já foi flagrado por elas, o que gerou 87 milhões de libras em multas (equivalentes a R$251 milhões) só entre 2008 e 2009.

 

Como funciona

 

O limitador de velocidade da Ford é controlado pelo motorista por botões na direção e funciona do seguinte modo:

 

O limite pode ser aumentado ou diminuído em intervalos de 5 km/h.

 

O sistema trabalha reduzindo suavemente a alimentação de combustível para o motor quando a velocidade selecionada é alcançada.

 

Se a velocidade aumenta devido a uma descida, um alerta visual e sonoro é acionado.

 

Se o motorista precisa ultrapassar um veículo, o sistema pode ser temporariamente desativado com uma pressão firme no acelerador.


Deixe uma resposta