Lufthansa vai despedir 3,5 mil empregados da área administrativa

Por: Antonio Euryco

O grupo Lufthansa anunciou hoje (3) que vai despedir 3,5 mil funcionários administrativos em todo o mundo nos próximos anos, conseqüência do seu programa de saneamento e redução de pessoal, o Score.  A empresa aérea alemã tem 115 mil funcionários.  Christoph Franz, um dos altos dirigentes alemães, explicou que “se pretendemos assegurar os postos de trabalho a longo prazo e criar novos, temos que reorganizar as funções administrativas”.

 

O anúncio é feito no mesmo dia onde a companhia torna público os resultados correspondentes ao primeiro trimestre de 2012 onde registrou prejuízos de 379 milhões de euros. Foram melhores em relação ao mesmo período do ano passado, quando os números vermelhos foram de 507 milhões de euros. O faturamento do grupo foi de 6.619 bilhões de euros, com melhoria de 5,6% neste exercício.

 

No comunicado, a Lufthansa expõe que houve um incremento no faturamento graças ao maior tráfego de passageiros e aumento no valor das passagens.  Os custos operacionais aumentaram também, em 6,1% e os gastos em combustível subiram 23%.

 

Outra confirmação feita hoje indica que a empresa alemã não aumentará sua frota de aviões até 2014 e também reverterá em uma maior colaboração entre a Luffthansa e a Germanwings (sua subsidiária e low cost), combinando programas   de code-share  com a Austrian Airlines, outra companhia  pertencente ao grupo.

 

AE

 

 

 

Deixe uma resposta