Motor do Ford Shelby GT500 é o V8 mais potente do mundo

Por: Jorge Augusto

O motor 5.8 litros supercharger do novo Ford Shelby GT500 2013, que chega ao mercado dos Estados Unidos nos próximos meses, foi certificado oficialmente pela SAE, associação internacional de engenheiros automotivos, como o V8 mais potente de produção em série do mundo, com potência de 671 cavalos e torque de 87,2 kgfm.

 

Com esses números, o Ford GT500 2013 oferece muito mais potência e torque do que carros esportivos de baixo volume que custam centenas de milhares de dólares a mais, além de ser o mais econômico da categoria, com consumo na faixa de 6,4 km/l na cidade e 10,2 km/l na estrada.

 

Diferentemente dos motores encontrados em supercarros exóticos muito mais caros, o motor do GT500 entrega sua força bruta ao longo de toda a faixa de operação, gerando 54,6 kgfm a apenas 1.000 rpm. E mais de 90% do seu torque máximo é atingido entre 2.200 rpm e 5.800 rpm.

 

O uso de um novo supercharger de alta capacidade (2.3 litros), junto com duplo comando de válvulas no cabeçote e quatro válvulas por cilindro, permite que este gire até limite de 7.000 rpm, com o pico de potência a partir de 6.500 rpm.

 

No GT500, esse motor é acompanhado de um ajuste de chassis mais refinado que ajuda a manter a tração dos pneus sem maltratar a coluna do motorista, além de freios Brembo de seis pistões que controlam a velocidade com facilidade.

 

A curva de torque ampla e plana do motor V8 torna o Ford Shelby GT500 dócil e fácil de dirigir, seja no trânsito ou em curvas sinuosas na estrada. Com capacidade para levar o carro a mais de 320 km/h, seu chassi foi ajustado para absorver imperfeições da pista que podem causar instabilidade em alta velocidade.

 

A frente com novo difusor melhora o fluxo de ar e reduz em 33% a carga aerodinâmica na faixa de 250 km/h em comparação com o modelo 2011. Ele também é equipado com direção elétrica, controle eletrônico de estabilidade, controle de arrancada e amortecedores ajustáveis Bilstein.

Deixe uma resposta