Movida é a primeira locadora a receber Certificação de Empresa B

Com essa nova conquista, a Movida se torna a segunda empresa de capital aberto da Bolsa de Valores de São Paulo a ter o reconhecimento
(Foto: Divulgação)

A Movida se tornou a primeira locadora a receber a Certificação de Empresa B, sendo a segunda empresa de capital aberto da Bolsa de Valores de São Paulo (B3) e a 12º no mundo. Para isso, a empresa executou um ambicioso plano de ação que envolveu colaboradores, fornecedores, investidores e especialistas, com ações e projetos de forma transversal em toda a companhia.

“Entendemos que ser uma empresa B é o novo normal dos negócios. Para nós, a Certificação como Empresa B é o início de um novo ciclo, porque assumimos publicamente esse compromisso e, para sermos bem sucedidos, precisaremos seguir avançando anualmente nessa agenda. Queremos ser referência nesse aspecto frente aos serviços de mobilidade”, diz Renato Franklin, CEO da Movida.

A motivação da Movida é pautada na crença de que os negócios transformarão as comunidades onde atua. Isso é refletido:

  • No programa Carbon Free, que ganha o compromisso de Carbono Neutralidade até 2030
  • No apoio ao projeto Gerando Falcões, que busca criar oportunidades para jovens da periferia e diminuir a desigualdade
  • No estímulo à integração de modais – reforçado pela parceria com a empresa E-Moving de aluguel de bikes elétricas –
  • Na criação do Comitê e da Política de Sustentabilidade
  • Na ampliação da licença maternidade para seis meses e da licença paternidade para 20 dias, entre outras práticas.

“Este é um processo que evidencia os valores que temos desde a nossa origem empresarial, reforçando nossa responsabilidade perante a sociedade. Pensamos no longo prazo e nunca trabalhamos apenas para o lucro, mas buscamos, sim, gerar valor a todos nossos stakeholders, com legitima preocupação com o meio ambiente e com o desenvolvimento das pessoas e dos locais onde estamos inseridos”, declara Fernando Simões Filho, membro do Conselho da JSL, que detém a Movida.


Leia também:

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui