Muito além das hortênsias – Conheça os atrativos de Gramado

Gramadotur confirma datas e destaques do Natal Luz, evento que faz a cidade da Serra Gaúcha brilhar ainda mais
Lateral do Hotel Serra Azul, no Centro de Gramado. Foto: reprodução.

Folhas de papel à mão, mas a preferência por não anotar e deixar a cidade guiar o olhar, não as mãos, foi mais forte. A chegada causa certa estranheza, seja pelo clima mais frio ou pela educação dos motoristas com os pedestres. Gramado, cidade localizada na Serra Gaúcha, a duas horas da capital, Porto Alegre; é um case quando o assunto é turismo. As hortênsias mostram o caminho para o destino que, de acordo com a prefeitura local, recebe 6,5 milhões de visitantes por ano.

E como uma cidade com 35 mil habitantes se prepara para receber esta demanda? Ao todo, Gramado dispõe de 200 hotéis – que somam 15 mil leitos -, além de 180 restaurantes, mais de 900 estabelecimentos comerciais e tem, em média, 370 eventos realizados ao ano. A junção disso com uma série de fatores peculiares forma a personalidade da cidade. Misture chocolate, oliveiras, cristais, natureza, hospitalidade, gastronomia, vinho e um pouco do ambiente rural. Assim, o turista tem em mãos um resumo do que Gramado pode oferecer.

A cidade anunciou recentemente mais uma novidade para o Sul do País. A partir do fim de 2020, o destino terá o primeiro Parque da Mônica da região. Com investimento total de R$ 40 milhões, o início das obras está previsto para o final de setembro. A abertura é uma parceria da empresária Manu da Costa – que também é acionista do parque de neve Snowland – com a Maurício de Souza Produções, que será responsável pela concepção do espaço.

O parque disponibilizará 30 atrações, destinadas a crianças entre 2 e 12 anos, mas abrange opções para toda a família. “Era necessária uma atração destinada especificamente às crianças e que, ao mesmo tempo, cativasse o público adulto. É esse equilíbrio que buscamos com o parque, que ocupará cinco mil metros quadrados numa área verde de dois hectares”, detalha Manu.  Além da atração de turistas, o projeto também beneficia a região com a geração de postos de trabalho. A abertura irá gerar 80 empregos diretos, sem contar os profissionais ocupados durante a fase de obras.

A cidade de Gramado tem muito mais a oferecer do que aparenta. Além de um centro bem organizado, é possível visitar o lado mais colonial, com produtos cheios de sabor e histórias familiares no roteiro rural “O Quatrilho”. Os mais ligados em energia podem visitar o Geo Museu que reúne milhares de tipos de pedras e conta com guias para explicar o surgimento, as especificidades e propriedades de cada uma delas.

Até cerimônias românticas, em Gramado, ganham um significado especial! Inspirada nas experiências de Las Vegas (EUA), a capela do “Casamento dos Sonhos” permite transformar o dia especial dos clientes em uma verdadeira produção hollywoodiana. O casal é que escolhe se prefere se unir da forma mais convencional ou vestido como personagens da telona. Uma extensão da empresa, criada em 2018, foi inaugurada neste ano. É o “Jardim do Amor”, espaço que reúne 30 cenários para fotos inspirados na Toscana (Itália).

Outra opção é visitar o Museu do Festival de Cinema de Gramado, lar de um dos festivais mais respeitados do País. O espaço relembra filmes marcantes que passaram pelo evento, além de depoimentos de figuras importantes do cinema nacional.

LEIA MAISWyndham Gramado Termas Resort & Spa deve receber certificação LEEDFesturis 2019 confirma mais de 60 destinos internacionaisFesturis Gramado 2019 quer gerar mais de R$ 300 milhões em negócio

Ponto alto do ano

Quem viaja à região entre fim de outubro e início de janeiro tem direito a um diferencial mais do que especial. Principal evento de Gramado, o Natal Luz chega à 34ª edição e ainda tem muito a mostrar. A missão de manter a tradição e inovar para conseguir atrair novos turistas pode parecer difícil, mas mesmo após tantas versões, Iara Sartori, diretora da Gramadotur, grupo responsável pelo evento, crava que há espaço para a reinvenção. “Todo ano é um desafio diferente, mas o espetáculo sempre tem sucesso. Nesta temporada, levaremos decoração clássica, voltada ao aspecto religioso. As cores, portanto, ficarão em tons de dourado, com temática luminosa e voltada ao angelical”, explica.

A aposta para a temporada 2019/2020 será na memória afetiva dos espectadores, assim como no sentido religioso do Natal em shows e espetáculos. Isso, segundo a executiva, representa parte do amadurecimento da organização nos últimos anos. Durante os 81 dias de programação ininterrupta, Gramado terá grandes espetáculos que complementam a oferta natural e cultural da cidade.

LEIA MAIS
+ 34ª edição do Natal Luz, em Gramado (RS), deve arrecadar R$ 35 milhõesLaghetto Hotéis abre décima unidade em Gramado (RS)Gol inicia operações para Passo Fundo (RS) com cerimônia especial

O show de luzes “Illumination”, por exemplo, terá 28 apresentações neste período, com destaque para a participação de Cid Moreira, convidado para narrar a interpretação do nascimento de Jesus no show que acontece no lago Joaquina Rita Bier. O espetáculo conta ainda com tenores e sopranos cantando clássicos natalinos junto a um coral, violinos e percussionistas. Bailarinos encenam a criação do mundo e a história do Natal na trama marcada por fogos de artifício e shows de águas dançantes.

O tradicional desfile de Natal, que acontece no pavilhão coberto da Expogramado, vem com carros elétricos, drones transformados em alegorias voadoras e projeções nas paredes. Com investimento de R$ 27 milhões – sendo R$ 3,2 milhões destinados exclusivamente à parte artística -, o Natal Luz tem cerca de 480 pessoas envolvidas diretamente – entre atores, produção e colaboradores que atuam na realização geral. A expectativa da organização é receber 2,5 milhões de pessoas, com fluxo intensificado entre 10 de dezembro de 2019 e 5 de janeiro de 2020.


                                                           Natal Luz                                                                            A 34ª edição do Natal Luz vai de 24 de outubro até 12 de janeiro de 2020, com dezenas de 25 atrações gratuitas, entre shows e desfiles, que prometem levar o turista e o cidadão gramadense de volta à infância. Em algum momento, é possível cruzar com a Trupe de Natal, por exemplo. O grupo formado por seis saltimbancos passeia pelas ruas centrais da cidade cantando músicas natalinas. O encontro com o Papai Noel está garantido na Vila de Natal, mercado local que funciona das 10h às 22h. Às 16h, o bom velhinho abre as portas de sua casa para falar com as crianças.O tradicional Show de Acendimento – que ilumina os atrativos da cidade, sempre às 20h – teve o roteiro completamente reformulado para a edição deste ano. Há, ainda, três espetáculos pagos que foram totalmente renovados e acontecem em dias intercalados, de terça-feira a domingo. “A Lenda do Bosque de Natal” substitui o musical “Natal pelo Mundo”; “Illumination” entra no lugar do “Reencontros de Natal”; e o desfile “A Magia do Noel” vem com enredo totalmente repaginado. Os shows pagos oferecem o setor Tapete Vermelho, com ingressos que dão direito a assento em lugar privilegiado e coquetel antes do espetáculo.Confira os principais espetáculos confirmados para a edição 2019/2020. Mais informações no site.



Brasilturis viajou a convite da Gramadotur e com proteção Affinity.

LEIA MAIS
+ Laghetto Hotéis abre décima unidade em Gramado (RS)Parque da Mônica, em Gramado (RS), tem aporte de R$ 40 milhõesAccor terá Ibis Styles em Santo Ângelo (RS) em 2022

 

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui