Museu Imperial de Petrópolis reabre com apoio da ABIH-RJ

O Museu Imperial de Petrópolis opera de terça a sábado, com abertura gradativa e sob protocolos no combate à covid-19

Museu Imperial de Petrópolis.
Foto: reprodução

O Museu Imperial de Petrópolis, no Rio de Janeiro, reabriu com apoio da Associação Brasileira da Industria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ). Os jardins do estabelecimento estão aberto à visitação do público, das 8h às 17h, a cafeteria e a loja, das 10h às 18h, de terça a sábado. Segundo a direção do local, gradativamente serão reabertos os espaços expositivos.

Desde o dia 18 de janeiro, representantes da associação têm se movimentado junto ao Governo Federal, Secretaria Especial de Cultura e Ibram (Instituto Brasileiro de Museus) com requerimentos para que houvesse a reabertura do equipamento turístico.

“Nossa atividade é de real importância para o seguimento do turismo, da cultura, economia e criação de empregos diretos e indiretos, por isso, é que pedimos a reabertura imediata do Museu Imperial, como forma de evitar os fechamentos generalizados dos hotéis, pousadas, hostels e meios de hospedagem daquela localidade”, declara Paulo Michel, presidente da ABIH-RJ.

Após os órgãos federais acenarem que não eram contrários à reabertura, desde que cumpridos todos os protocolos sanitários contra à Covid-19, a documentação necessária para o respectivo processo foi reunida e encaminhada ao diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Junior.

Na carta encaminhada junto aos documentos, o presidente da ABIH-RJ, Paulo Michel, ressalta ao diretor da unidade que o turismo é a vocação natural do Rio de Janeiro e das cidades da Região da Serra Verde Imperial, como Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, sendo possivelmente as atividades mais importantes na geração de empregos, economia local e na arrecadação tributária.

Deixe uma resposta