Na terra dos parques, fique na praia!

Por: Fernando Porto

Não há como evitar a associação: a primeira lembrança de Orlando é como destino dos parques temáticos. E não há como desmerecer essa fama já que a cidade oferece há décadas o que há de melhor em termos de diversões temáticas de grandes estúdios cinematográficos, personagens icônicos da infância de todos e contato com animais de todo o planeta dentro de respeitados complexos de preservação das espécies. Tudo isso fantasticamente construído numa antiga região pantanosa, desde o primeiro parque do visionário Walt Disney. Mas como agradar uma família com gostos divididos, entre crianças apaixonadas por parques temáticos e adolescentes ou adultos que preferem a contemplação de belas praias e contato com atrações mais naturais? A solução está a 80 km de Orlando, na chamada Space Coast, a capital do surfe do leste dos EUA, com seus 110 km de costa litorânea, onde se destaca a emblemática Cocoa Beach. Pode-se então curtir o parque de sua preferência em Orlando, a 50 minutos de carro, e voltar para seu hotel de praia no agradável ambiente pacífico dos “surfers“. Ou, mais próximo dali, se divertir com a família em outro parque especialíssimo: o Kennedy Space Center da Nasa.

 

O coração do surfe


Logo na North Atlantic Avenue que margeia Cocoa Beach, avista-se a icônica loja Ron Jon Surf Shop, que chama a atenção pelo prédio de cores fortes e pelas belas esculturas de areia produzidas pelo australiano John Underwood.  A escultura maior na entrada homenageia o filho mais ilustre no local: Kelly Slater, que nasceu na região em 1972 e aprendeu na praia local a dominar as ondas, até se tornar o mais jovem campeão mundial de surfe aos 20 anos. Slater repetiu a façanha por mais 10 vezes, se tornando o melhor surfista de todos os tempos. Este é apenas um dos motivos que torna Cocoa Beach a capital do surfe da Costa Leste dos Estados Unidos.

 
E a Ron Jon Surf Shop é uma atração à parte por ser a maior loja de surfe do mundo, inaugurada em 1963 e que funciona 24 horas por dia. É nada menos que um prédio de 4.830 metros quadrados, que supera até as dimensões da loja original da marca, de 752 metros quadrados, em Long Beach Island (New Jersey) – que iniciou a lenda em 1961 com o jovem Ron DiMenna e suas populares pranchas de fibra.  Dentro da loja, encontram-se não apenas pranchas e acessórios de surfe, mas tudo que se refere à moda de praia, produtos eletrônicos e souvenires.


Além da megaloja, a Ron Jon tem a poucos metros dali uma outra área que abriga sua própria escola de surfe, sua loja de aluguel de equipamentos aquáticos – como pranchas, pedalinhos, stand up paddle,  wakeboard – e ainda um museu dedicado ao surfe local, o Florida Surf Museum, que preserva fotos e documentos históricos dessa prática esportiva na costa leste americana e realiza mostras especiais.  Perto dali, também na mesma North Atlantic Avenue, está a Cocoa Beach Surf Company, o maior complexo de surfe do mundo, que reúne loja especializada em roupas e equipamentos, escola, um restaurante com tanque de tubarões – o Shark Pit Bar & Grill – e um hotel (Four Points by Sheraton).  Falando em hotéis, vale citar que o clima nos estabelecimentos da região é o mais descontraído pela frequência de surfistas e familiares, influenciando no ambiente despojado até nas redes mais luxuosas, sem perder a qualidade das grandes redes, como é o caso do Hilton Cocoa Beach Oceanfront, a poucos metros da areia.


Um fato de Cocoa Beach para aguçar a curiosidade dos viajantes de mais de 40 anos: lá é onde se passavam as histórias da antiga série de Sidney Sheldon “Jeannie é um Gênio” (em inglês, “I Dream of Jeannie”). No Brasil, traduzia-se o nome do belo balneário como “Praia dos Cocos”, onde um astronauta, Major Nelson (Larry Hagman), morava no local, trabalhava ali perto na base da Nasa, no Cabo Canaveral, e se envolvia nas confusões do gênio da garrafa, a bela Jeannie (Barbara Eden). Em sua homenagem, há até uma rua em Cocoa Beach chamada “I Dream of Jeannie”.

 

Frutos do mar e agito na praia


Para diversão na praia, o local de badalação é nas imediações do Cocoa Beach Pier, onde os turistas podem assistir às grandes competições de surfe do país ou apenas relaxar na praia e ainda comer frutos do mar em seus agradáveis bares e restaurantes. Uma das boas opções para almoçar ou beber uma cerveja, enquanto se aprecia a vista sobre o píer, é o Pelican´s Bar & Grill, que é famoso por seu prato de moluscos, conhecidos em português como amêijoas,  berbigões ou, em italiano, vôngoles. São servidos em um caldo cremoso, com vegetais e batatas e dentro de um pão (US$ 8 o prato). Ou que tal provar de um delicioso sanduíche de lagosta enrolada, servida dentro de uma massa de pão com salada de repolho (US$ 18)? Outros bares-restaurantes do Cocoa Beach Pier também fazem a boa fama do local: Rikki Tiki Tavern, Keith´s Oyster Bar, The Boardwalk Bar e Sea Dogs. 

 

Distritos históricos


Além de Cocoa Beach, há outros lugares que merecem a visita dentro do mesmo Condado de Brevard ou nos arredores. O Cocoa Village é um charmoso vilarejo antigo, com construções preservadas que datam desde o ano de 1860, oferecendo pequenas lojas de antiguidades e de artigos de decoração e bons restaurantes, como o Sublime Restaurant and Sangria Lounge, na Harrison Street, especializado em tapas e também na cozinha tex-mex. Os amantes da arte podem visitar o Eau Gallie Arts District, no centro do vilarejo, com destaque para o Foosaner Art Museum e outros espaços com obras de arte e antiguidades.


O distrito histórico de Melbourne oferece agitada vida noturna em seus pubs e restaurantes. Com nome quase parecido, Melboune Beach é um ótimo lugar para esportes aquáticos em seus 33 km de praias e marinas. Já o centro de Titusville, fundado por volta de 1850, oferece vários sítios históricos e é uma das comunidades mais antigas às margens do Indian River, com parques agradáveis e boas lojas de roupas e antiguidades. A 1,6 km do centro dessa pequena cidade, encontra-se a Marina Municipal de Titusville, onde está uma grande barreira onde é possível ver diferentes espécies marinhas. Palm Bay também é um destino que merece a visita por causa de seu santuário de espécies em extinção – o Turkey Creek Sanctuary.  


Natureza e um zoo especial


Realmente atrações naturais não faltam na região de Space Coast, que conta com mais de 250 km quadrados de refúgios de vida silvestre e de aves, além de áreas de reprodução de tartarugas, peixes-boi e golfinhos em seus hábitats. Um lugar bem procurado pelos ecoturistas é o Merritt Island National Wildlife Refuge, a segunda maior reserva natural da Flórida, onde os turistas podem realizar um passeio de barco para observação de crocodilos, peixes-boi, diferentes espécies de peixes e de pássaros. 
Também faz parte do roteiro a visita ao famoso Brevard Zoo, localizado na cidade de Melbourne, um zoológico que abriga mais de 730 animais de 180 espécies diferentes da Flórida e de outros continentes – América do Sul, África, Ásia e Austrália. Além de a criançada poder alimentar as girafas e  rinocerontes, o grande diferencial do zoo é que os visitantes podem percorrer as áreas naturais do parque em caiaques e até fazer tirolesa pelas copas das árvores. 

 

A melhor vista de Porto Canaveral


Uma maneira agradável do turista se situar na região da Space Coast antes de percorrer as atrações é visitar a Exploration Tower, uma bela torre de sete andares, localizada na Dave Nisbet Drive, em Cabo Canaveral. Possui um deque de observação no topo para a melhor vista panorâmica do Porto Canaveral com seus transatlânticos, das praias e dos restaurantes ao redor e até do Kennedy Space Center. Inaugurada em 2013, em comemoração aos 60 anos da Canaveral Port Authority, a torre oferece ainda áreas internas de cinema, simulador de barcos, painéis e mapas com toda a história da região e de todo o programa espacial.

 

Também vale visitar a região do Porto Canaveral, que recebe quatro milhões de pessoas todos os anos, embarcadas em navios da Walt Disney Company, que possui seu terminal particular, além da Norwegian Cruise Line, dentre outras grandes companhias. Na área ao redor do porto, conhecida como The Cove, há ainda diversos restaurantes de frutos do mar, bares lojas e o navio-cassino Victory. 

 

Fernando Porto


A reportagem completa sobre a Space Coast, na Flórida, estará na próxima edição impressa do Brasilturis Jornal 

Fernando Porto
Fernando Porto
Fernando Porto
Fernando Porto
Fernando Porto
Fernando Porto

Deixe uma resposta