Nas eleições, vote pelo turismo!

1

O que não falta nesta semana é agressão por conta das eleições. O voto que deveria ser orientado pela cabeça fria, segue a lógica do fígado em chamas. Espera-se, em uma sociedade com alto grau de civilidade, um debate em torno de propostas para economia, reforma política e visão de futuro. Observamos, no entanto, uma batalha de torcidas e discussões em torno de assuntos polêmicos. Candidatos são tomados como deuses. Qualquer crítica ao seu preferido é tratado como heresia. Mostramos ser uma nação ainda adolescente quando falamos em democracia.

Nosso País que ainda está na UTI e apresenta sinais de recuperação precisaria de dirigentes que tivessem um plano claro de reestruturação econômica e estabilidade social. Temos, hoje, liderando as pesquisas candidatos que  trazem propostas confusas ou obscuras neste sentido.

O mesmo ocorre no Legislativo. Há mais candidatos preocupados com questões religiosas do que com assuntos coletivos. Posições sobre reforma da previdência, sustentabilidade, educação, desenvolvimento tecnológico e política externa é que podem trazer prosperidade para o Brasil.

Você, que trabalha no turismo, conhece as propostas dos seus candidatos para o setor que podem garantir a sua sobrevivência e de sua família ? Você conhece, apoia, vota em quem tem o seu ganha-pão como bandeira?

Que governadores sentaram-se com lideranças da nossa indústria para entender como ajudar o segmento? Quais deles têm propostas para estimular a chegada de mais turistas estrangeiros e desatar os nós que enforcam a hotelaria, as agências, operadoras e companhias aéreas há tantos anos.

Quantos de nós leu, de verdade, planos de governo?  Muita gente diz que não tem paciência, nem tempo. Mas aqueles que serão eleitos definirão os rumos do País nos próximos quatro anos.

A tragédia política e a recessão econômica que vivemos não foi culpa de uma ou de duas pessoas. Foi responsabilidade de todos que votamos.  Você confia nos vices (presidente e governador) dos seus candidatos? Eles poderão conduzir o País, como mostra a história. Você sabe como se portaram os candidatos a deputados e senadores em questões importantes para seu negócio?

Não importa há quantos anos você vota. É hora de amadurecer. Partidas de futebol terminam e podem prejudicar o técnico e os jogadores. Mas eleições podem jogar o teu emprego ou o teu negócio no buraco.

Vote no turismo.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here