Oceania Cruises retorna ao Alasca com navio premiado

Por: Carolina Maia

Para aproveitar as belas paisagens que surgem no verão do Alasca, a Oceania Cruises voltará a fazer viagens para a região com o intimista Regatta, eleito entre os leitores da renomada revista Condé Nast Traveler como um dos cinco melhores navios de médio porte do mundo.

Entre os destaques nas notas recebidas estão os restaurantes, os serviços a bordo e os roteiros. “É importante termos esse feedback, ainda mais quando a opinião é de quem esteve no navio e conferiu de perto o que oferecemos”, observa o diretor de Vendas e Marketing da Oceania Cruises para o Brasil, Jean Saraiva. “Estamos orgulhosos em ter nossas qualidades reconhecidas pelos nossos hóspedes”.

Durante navegação pela região do Alasca, o Regatta visitará locais como a imponente Geleira de Hubbard e o Fiorde de Tracy Arm, além das belas cidades de Juneau (capital do Alasca), Ketchikan, Skagway, Sitka entre outras. A cidade de Seattle, nos Estados Unidos, será o principal porto de partida e Vancouver, no Canadá, receberá a maioria das chegadas. Os roteiros variam de 7 a 10 dias.

Com capacidade para pouco mais de 680 passageiros, menor que os colossais cruzeiros tradicionais, o Regatta consegue alcançar lugares pouco explorados, proporcionando viagens mais exclusivas aos seus hóspedes. A bordo, os viajantes encontrarão quatro restaurantes, academia de ginástica, spa Canyon Ranch, oito lounges e bares, cassino e quase 70% das acomodações com varanda privativa.

A Oceania terá pela primeira vez atividades exclusivas para crianças e adolescentes. As atrações são separadas de acordo com a faixa etária – tendo grupos de 5 a 8 anos e de 9 a 13 anos – e estarão disponíveis apenas durante os roteiros do Regatta no Alasca. São aulas de culinária, tour pelos bastidores do navio acompanhados pelo diretor de cruzeiros, karaokê, caça ao tesouro, jogos ao ar livre e muitas outras atividades criadas pelos monitores do navio.

CM

Deixe uma resposta