Ocupação em resorts cai 11,5% e TrevPar apresenta declínio de 5,94%

Segundo Alberto Cestrone, presidente da Resorts Brasil, que divulgou os dados, ainda há expectativas de melhora econômica para o ano

0

A Resort Brasil divulgou o relatório “Resorts em Números”, documento que mostra o desempenho do setor no primeiro trimestre deste ano. De acordo com o estudo, a taxa de ocupação teve queda de 11,5%, enquanto o TrevPar caiu 5,94% em termos nominais e 12,3% em reais. Um dos destaques do relatório é o impacto positivo do Carnaval na performance dos resorts que neste ano, ao cair em março, refletiu em números superiores ao mesmo período do ano anterior.

“Começamos 2019 com otimismo, visando a retomada da economia do país, porém, com a demora na aprovação das reformas fiscal e da aposentadoria, sentimos uma freada no consumo o que impactou o desempenho do setor hoteleiro”, explica Alberto Cestrone, presidente da Resorts Brasil.


LEIA MAIS:
+ Porto Seguro Praia Resort tem melhor abril da história
+ Resorts Brasil tem Novotel Golf & Resort como novo associado
+ AMResorts assume gestão do Hilton Curaçao e prevê retrofit de US$ 15 mi

Mesmo com o declínio de indicadores importantes, é de se esperar que a alta do dólar mantenha um maior número de turistas do território nacional. Pela primeira vez, houve um crescimento na ocupação nos resorts de campo. Isso reflete a diminuição da oferta de assentos aéreos, em decorrência das dificuldades pela qual passa a Avianca, que abre possibilidade de mais hospedagens em resorts localizados próximos aos grandes centros emissores.

“Estamos confiantes que a situação econômica melhore e o país volte a crescer. Somente dessa maneira o setor do turismo e toda a cadeia produtiva podem retomar os investimentos e gerar empregos”, finaliza Alberto.


LEIA TAMBÉM:
- La Torre Resort inaugura novo empreendimento gastronômico este mês
- Shangri-La Fijian Resort renova acomodações e apresenta novidades
- Rio Quente Resorts promove conceito de relaxamento e bem-estar

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here