Orlando bate recorde como destino mais visitado dos EUA

Por: Carolina Maia

O ano de 2011 foi um período histórico para Orlando, Flórida (EUA). Com 55,1 milhões de visitantes, o destino bateu recorde e passou a ser a primeira cidade dos Estados Unidos a receber mais de 55 milhões de turistas no ano – um aumento de 7,2% em relação a 2010. Os visitantes domésticos (viagens comerciais e a lazer) chegaram a 51,3 milhões – um aumento de 7,5% sobre o ano anterior e um recorde para qualquer destino nos Estados Unidos. Já as viagens internacionais somaram 3,8 milhões de turistas – um aumento de 3,5% sobre 2010.

‘Esta é uma notícia extremamente positiva para o destino. Acompanhamos uma forte recuperação em nossos números de visitantes ao longo dos últimos dois anos, liderados por um crescimento de viagens nacionais e internacionais e continuamos a ser otimistas sobre o futuro’, afirma o presidente do Visit Orlando, Paul Tang.

Em 2011, o Visit Orlando iniciou novas campanhas de marketing para aumentar o turismo doméstico durante os períodos de maio-junho e meados de agosto-setembro. Internacionalmente, as campanhas no Canadá, Reino Unido e Brasil reforçaram o slogan ‘Orlando é só alegria’. O Visit Orlando também apresentou ofertas do destino para milhares de operadoras e agentes de viagem em inúmeros eventos na América do Norte, Europa, América Latina e Ásia, além de facilitar e prover mais rotas aéreas com saídas domésticas e também da América Central e Latina.

Para a representante do Visit Orlando no Brasil, Cláudia Lobo, as campanhas foram fundamentais para esse crescimento e reforçam a importância do turismo internacional para a cidade. ‘Somos conhecidos mundialmente como o melhor destino de férias para famílias e uma ótima opção também para viagens de negócios. Quebrar a marca dos 55 milhões de turistas mostra a força de Orlando, que continua a receber mais visitantes a cada ano.’, finaliza.

Os visitantes brasileiros são os que mais viajam à Flórida. Segundo dados do Visit Flórida, em 2011, 1.466 milhão turistas brasileiros visitaram o Estado, deixando mais de US$ 2 bilhões na região. Depois do Brasil, o Reino Unido, Argentina, Venezuela e Alemanha foram os países que mais visitaram o Estado no ano passado.

CM

Deixe uma resposta