País Tropical: Confira 8 destinos brasileiros para conhecer em 2019

O Brasil é um destino com uma variedade de locais e atrativos que podem e devem ser explorados pelos turistas

O Brasil conta com muitas paisagens de tirar o fôlego, que Jorge Benjor intitula como “País tropical bonito por natureza”. No meio de tanta opção, ás vezes fica difícil escolher nosso próximo destino.

Pensando nisso, a Viajanet preparou uma lista com oito destinos que ficam no Brasil. Confira abaixo e já aproveita para preparar as suas malas.

1 – Ilha de Boipeba/Bahia

Localizada a 170 quilômetros de Salvador, trata-se de uma região reconhecida pela Unesco como Reserva da Biosfera e Patrimônio da Humanidade. O destino atrai turistas de muitos cantos do Brasil, principalmente daqueles que procuram se distanciar a vida moderna.

A sua costa é protegida por corais e possui mar tranquilo, areia clara e vários coqueiros. Esse cenário possibilita que os turistas contemplem a paisagem e pratiquem mergulho em suas águas cristalinas.

2 – Maragogi/Alagoas

Situado a 130 quilômetros da capital alagoana, em Maragogi encontram-se algumas praias e piscinas naturais, que prometem encantar os turistas com suas águas cristalinas. Se preferir, o visitante pode aproveitar o ambiente para praticar esportes náuticos.

A seis quilômetros da orla, as piscinas formam um banco de areia com uma barreira de corais, permitindo que o banhista relaxe com água na altura da cintura enquanto observa a variedade de peixes que vivem ali.

LEIA MAIS: Kayak: conheça os melhores destinos para relaxar durante o CarnavalTurismo deverá injetar R$ 5,4 bilhões no carnaval em 2019Carnaval de Salvador terá app para conectar turistas; entenda

3 – Dunas do Jalapão/Tocatins

Próximo de Palmas, no estado de Tocantins, encontra-se o Parque Estadual do Jalapão. Esta área de preservação tem como principal atrativo as suas dunas naturais, que podem atingir até 49 metros de altura, o que equivale a um prédio de 13 andares.

Essas dunas proporcionam ao visitante um visual impressionante, similar aos encontrados em grandes desertos no continente africano, em especial no nascer e no pôr do sol.

4 – Cachoeira do Buracão/Bahia

Na Chapada Diamantina, na Bahia, encontra-se a Cachoeira do Buracão, com seus 85 metros circundados por um cânion que acompanha o trajeto do rio Espalhado. O acesso é relativamente fácil. São três quilômetros por uma trilha, passando por cachoeiras e corredor de pedra.

Após cerca de dez minutos de nado pelo rio que corta o cânion, chega-se à Cachoeira do Buracão, de onde caem as suas águas, que dão uma demonstração da força da natureza, tanto pelo visual proporcionado quanto pelo som produzido pelas águas.

5 – Maracajaú/ Rio Grande do Norte

A 51 quilômetros ao norte da capital de Rio Grande do Norte está Maracajaú. Trata-se de um município pequeno, com cerca de dois mil habitantes, que vem atraindo cada vez mais mergulhadores e quem simplesmente quer curtir a natureza.

O destino tem como seu principal atrativo as suas águas cristalinas, que lembram muito as praias caribenhas, consideradas ideais para prática de mergulho e observação de peixes, com ou sem equipamentos. Além disso, é possível aproveitar a paisagem do local fazendo um passeio de quadriciclo pelas dunas ou passeios de barco por suas águas verdes.

6 – Praia de Carro Quebrado/ Alagoas

A Praia do Carro Quebrado fica em Barra de Santo Antônio, em uma pequena vila de pescadores localizada no litoral alagoano, a 44 quilômetros de Maceió. O acesso á praia é mais difícil e o percurso pode ser feito de carro, por uma estrada de terra esburacada e não sinalizada, ou a pé, em uma caminhada de 30 minutos pela areia, ou de lancha, barco ou buggy.

Devido à falta de sinalização, é recomendável a contratação de um guia. Além disso, o clima pode fazer com que os acessos à praia fiquem ainda em piores condições. Existe risco de atolamento em todos os casos e o turista deve estar atento à maré.

7 – Península de Maraú/Bahia

A Península de Maraú é de fácil acesso e fica a 270 quilômetros de Salvador, podendo ser acessado por barco, balsa ou carro. é um local que se destaca pelas praias, com areia branca e vários coqueiros em seu entorno. Dessa forma, se torna um ótimo destino para aqueles que desejam relaxar.

No entanto, o destino conta com outros atrativos. Em suas piscinas naturais, o visitante pode observar uma grande variedade de peixes que habitam os arrecifes. Durante o verão, o mergulho se torna uma das principais práticas. Além disso, o turista pode fazer caminhadas pela Mata Atlântica, que o permite chegar a outras praias.

8 – Praia da Pedra do Sal/Piauí

A Praia da Pedra do Sal fica na Ilha Grande de Santa Isabel, uma das ilhas fluviais do Delta do Rio Parnaíba, a 15 quilômetros da cidade de Parnaíba. Essa praia é limitada pelos rios Igaraçu e Canárias e conta com uma faixa de areias finas  de aproximadamente 8 quilômetros de extensão, repleto de lagoas e dunas.

Seu mar agitado e seu vento atraem principalmente os praticantes de esportes radicais, como surf e kitesurf, mas a praia também tem um trecho com águas calmas onde os visitantes podem tomar banhos de mar relaxantes e apreciar o que é conhecido como o pôr do sol mais bonito de Piauí.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta