Para celebrar Ano da Alemanha no Brasil São Paulo recebe mostra global

Por: Camila Oliveira

 

Para celebrar a Temporada da Alemanha no Brasil, a cidade de São Paulo recebe a mostra global “Túnel da Ciência Max Planck”. Inédita no Brasil, a exposição estará aberta ao público entre o dia 30 deste mês e 21 de fevereiro, no Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca, na capital paulista. O Túnel da Ciência, realizado pela Sociedade Max Planck, abordará os grandes temas da pesquisa básica desde o seu ponto de partida, mostrando as possibilidades e oportunidades científicas e tecnológicas para as inovações mais transformadoras do futuro.

Com entrada gratuita e voltado para ao público acima de 12 anos, trata-se da maior e mais interativa exposição do mundo na área de educação para as ciências. Dr. Peter M. Steiner, coordenador do Túnel da Ciência Max Planck, aponta as expectativas para a estreia do evento no país: “O Túnel da Ciência pretende divulgar e estimular a curiosidade do público brasileiro sobre a importância da ciência e da inovação, construindo uma ponte consistente entre a pesquisa básica moderna e a sua influência em nosso modo de vida e no nosso futuro”, diz Steiner.

No âmbito da Temporada “Alemanha + Brasil 2013-2014”, a exposição é realizada pela Sociedade Max Planck e apresentada pela Asas Produções (empresa do Grupo Asas), com patrocínio do Centro de Convenções Frei Caneca, Siemens, ZF do Brasil, Ministérios da Educação e Pesquisa e das Relações Exteriores da Alemanha, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação do Brasil e apoio premium da Volkswagen e ThyssenKrupp. A mostra também conta com o apoio institucional do BDI Brazil Board, UNIFESP, INNT – Instituto Nacional de Neurociência Translacional, Governo do Estado de São Paulo, Embaixada da Alemanha no Brasil, Consulado Geral da Alemanha em São Paulo, Prefeitura de São Paulo, Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Centro Alemão de Ciência e Inovação São Paulo (DWIH-SP) e SIEEESP.

Criado em 2000, o Túnel da Ciência já visitou 20 países nos cinco continentes e recebeu mais de nove milhões de pessoas em suas três versões. A versão 3.0, que será apresentada no Brasil, é a mais recente – lançada na Rússia em 2013 – e está distribuída em oito módulos de conteúdo extenso e profundo, todos no limite dos conhecimentos científicos atuais: Universo – dos quarks ao cosmo; Matéria – design do mundo microscópico; Vida – dos elementos aos sistemas; Complexidade – dos dados à compreensão; Cérebro – fábrica de maravilhas na cabeça; Saúde – pesquisa para a medicina do futuro; Energia – vida no Antropoceno; e Sociedade – o mundo em mobilidade.

A exposição apresenta os temas em formato interativo e multimídia. São imagens, gráficos, exposições, vídeos de entrevistas e animações. Um guia digital da mostra conduz o visitante ao mundo das pesquisas da Sociedade Max Planck – uma das mais importantes sociedades de pesquisa do mundo, com mais de 5,3 mil cientistas, 17 prêmios Nobel e orçamento de 1,5 bilhão de euros em 2012. Ao final da visita, os milhares de visitantes terão a oportunidade de propor suas próprias perguntas ao futuro e enviá-las por meio do Túnel da Ciência em uma viagem pelo mundo, interagindo, posteriormente, com todas as outras sedes do evento.

Destaques da exposição

Uma réplica do veículo de exploração espacial rover Curiosity, enviado pela Nasa ao Planeta Vermelho em 2012, estará em exposição no Túnel da Ciência. Há mais de um ano no planeta, este é o maior e mais complexo robô já enviado a Marte para coletar evidências de condições de presença de vida. Foi desenvolvido com tecnologia da Siemens PLM, em parceria com engenheiros e cientistas da Nasa, que permitiu projetá-lo digitalmente e simular as atividades do rover. Durante o período de exploração, o Curiosity identificou a presença de um antigo leito de curso de água e amostras de solo que demonstram aos pesquisadores a possível existência de vida em Marte no passado. Esta é a primeira vez que uma réplica do robô chega ao Brasil.

Outro destaque da empresa para a exposição é o Magic Mirror (Espelho Mágico). Por meio da tecnologia conhecida como augmented reality, ou realidade aumentada, o efeito do espelho mágico é semelhante ao de um raio-x e cria a ilusão de que é possível visualizar o próprio corpo internamente, aliando imagens reais e virtuais. Criado em parceria com a Universidade Técnica de Munique (TUM), na Alemanha, o Magic Mirror estará à disposição dos visitantes na área destinada às inovações voltadas à Saúde.

CO

Deixe uma resposta