Passeios de ecoturismo do Mato Grosso do Sul são finalistas de prêmio da WTTC

Turistas fazem flutuação no Rio da Prata, um dos passeios indicados como finalistas do prêmio internacional. (Foto: Márcio Cabral/Recanto Ecológico Rio da Prata)

O ecoturismo no Mato Grosso Sul é destaque no prêmio de sustentabilidade do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC). Os indicados como finalistas são: flutuação no Rio da Prata, flutuação com mergulho na Lagoa Misteriosa e trilha com cachoeira na Estância Mimosa.

Ademais, os produtos turísticos de natureza e aventura estão localizados em Jardim, Bonito e Bodoquena. A região é um dos principais polos brasileiros de ecoturismo. Isso devido à rara beleza natural de rios cristalinos, cachoeiras, grutas, matas, fauna e flora. Portanto, os atrativos juntos recebem cerca de 50 mil visitantes por ano. Além disso, a média diária de visitação varia entre 120 e 150 turistas, de acordo com a capacidade de cada atrativo.

“Os atrativos naturais alavancam o desenvolvimento regional, valorizando produtos locais como artesanato e culinária. Gerando emprego e renda, além de promover a educação ambiental. Este exemplo é a prova de que quando turismo e preservação caminham juntos os resultados são extremamente positivos para o país”, parabenizou o ministro, Marcelo Álvaro Antônio.

Os finalistas

Os passeios, aliás, são resultado de um projeto familiar que colocou em prática a capacidade de empreender e inovar. O propósito é de criar um modelo de ecoturismo organizado com visitação limitada, focado em qualidade e segurança.

“Estamos extremamente honrados com a distinção internacional. Só estamos entre os finalistas devido ao trabalho de longo prazo que desenvolvemos com nossa equipe, parceiros e trade turísticos. Buscando, sempre, a qualidade, sustentabilidade e desenvolvimento regional”, afirma a diretora de sustentabilidade da empresa, Luiza Coelho.

A premiação

Os vencedores do Prêmio Tourism for Tomorrow 2019 serão anunciados durante a cerimônia de premiação na 19ª Cúpula Mundial do WTTC. O evento ocorrerá em Sevilha, na Espanha, de 2 a 4 de abril.

O Grupo Rio da Prata concorre ao lado do Masungi Georeserve, nas Filipinas, e do St. Kitts Sustainable Destination Council, na Ilha de São Cristóvão, no Mar do Caribe. Todos foram reconhecidos como organizações que lideram e ajudam no desenvolvimento sustentável do destino. Além disso, beneficiam seus moradores e visitantes.

Leia mais sobre Destinos.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui