PinX: traveltech traz benefício corporativo para viagens a lazer

O serviço da PinX é dividido em quatro planos distintos e feita por folha de pagamento, benefício, boleto bancário, pix ou cartão de crédito

Traveltech PinX travel viagem turismo

A PinX, uma traveltech fundada em 2019, promete facilitar as viagens a lazer, trazendo planos mensais para funcionários de empresas que querem viajar com condições especiais.

A startup oferece um serviço que une inteligência artificial com uma equipe de curadores especialistas em turismo. O conceito é que a companhia fecha a parceria com a PinX e seus funcionários podem assinar um dos planos, com ou sem subsídio da empresa.

Com um plano selecionado, a startup passa a auxiliar em todo o planejamento, desde a escolha do destino, deslocamento, atividades, passeios e reservas usando muita tecnologia.

Segundo a própria traveltech, o serviço se assemelha ao Projeto de Lei  n° 4537/2021 que trata da criação do “Conhecendo Brasil”, que visa criar o “vale-turismo”, um benefício empresarial para estimular o turismo doméstico.

A PinX trabalha com quatro planos de assinatura a partir de R$ 99 por mês. No projeto de lei, a dinâmica do vale turismo será facultativa, o colaborador que aderir ao projeto terá 15% de desconto em folha e ganhará um aporte extra da empresa no valor de 25% sobre o desconto com incentivos fiscais.

“O modelo de benefício corporativo que temos é, de certa forma, semelhante ao projeto na Câmara e nos permite trabalhar com o desconto em folha, o que viabiliza uma operação com menor risco financeiro, resultando em vantagens para o funcionário, como adiantar mensalidades sem juros e praticar preços abaixo do mercado”, ressalta Danilo Pacheco, CEO e co-fundador da PinX.

Danilo Pacheco, CEO e co-fundador da PinX (Foto - Divulgação)
Danilo Pacheco, CEO e co-fundador da PinX (Foto – Divulgação)

Deixe uma resposta