Primeiros passos para conquistar clientes pela internet

0

Em artigos passados, falei sobre as novas tecnologias e como elas impactam o setor de viagens. Em particular, como elas ajudam as empresas a se aproximar do viajante, desde a etapa em que ele procura um destino, passando pela experiência durante a viagem, até quando ele retorna e compartilha os principais momentos com sua rede de contatos. Espero que tenha ajudado os leitores a ver que a tecnologia não é apenas uma alternativa aos negócios, mas uma solução fundamental nos dias de hoje, sem a qual poucos conseguirão florescer.

A partir desse número, começo a focar em um lado mais pragmático da tecnologia, a discussão de maneiras para implementá-la no dia a dia dos negócios. Vamos discutir os elementos dessa tecnologia (e existem vários) e como colocá-los em prática. Desde já me coloco à disposição para quaisquer que sejam as dúvidas.

O foco inicial é para o segmento dos agentes de viagens e a pergunta que buscamos responder é: como digitalizar os negócios para atrair novos clientes? Muitos profissionais possuem um website e uma página no Facebook. Mas isso é suficiente? Depende. Seu website é visitado com frequência? Ele roda no celular e no tablet, além de em computadores pessoais? O website é conectado à sua página no Facebook? As pessoas comentam e compartilham seus posts em grande quantidade? Você consegue buscar novos clientes nas redes sociais?

Se uma parte das respostas for negativa, é preciso repensar sua estratégia. Não basta apenas possuir presença nos canais digitais, sem utilizá-la de maneira eficiente. As iniciativas nesse caso acabam se tornando uma fonte de custos – tanto financeiros quanto de tempo – em vez de investimento.

Para começar uma sólida presença on-line, primeiro foque na criação de um website responsivo, ou seja, que rode nos dispositivos móveis, já que a grande maioria das pessoas utiliza o celular para consultar a internet. Não adianta possuir uma solução que funciona bem no computador pessoal, mas que é de difícil leitura no celular.

Depois, certifique-se que você consegue medir quantas pessoas acessam o seu site. Isso é fundamental para avaliar se o conteúdo que você disponibiliza gera interesse. Existe uma ferramenta gratuita do Google chamada Google Analytics que permite acompanhar em detalhes o número de visitas às páginas do site.

Em seguida, recheie o seu site com conteúdo relevante para seu público. Descreva os principais destinos que você trabalha, com detalhes que mostram seu conhecimento do local. Mostre como você ajuda o visitante em cada etapa da viagem, do planejamento até o retorno, e deixe um canal de acesso direto para ele entrar em contato, caso haja necessidade. Uma alternativa muito prática é o chamado click-to-call, ou seja uma opção em que o interessado clica em um botão do site e é feita a ligação automática para a empresa.

Crie mensagens segmentadas para as pessoas que visitam seu site. Por meio de notificações de push, é possível enviar pequenas mensagens diretamente para a tela do celular ou do computador, com novidades, informações sobre destinos, promoções e ofertas de temporada. Essas notificações são muito parecidas com os ‘torpedos’ utilizados nos celulares, mas são mandadas pela internet e não pela operadora de telefonia, então não há custo de envio.

A pergunta que muitos devem estar fazendo é: Qual ferramenta eu devo utilizar para construir um website com essas características? Hoje em dia, existe uma tecnologia chamada PWA (progressive web application) que ganha cada vez mais visibilidade no mercado. É uma solução que tem todas (e mais algumas) funções de um aplicativo, mas funciona no navegador, como um site.

O PWA é leve, rápido e pode ser acessado diretamente pelo celular ou computador, sem a necessidade de ser baixado da Apple ou Play Store. Ele ainda possui uma característica muito útil para os viajantes: roda sem precisar de conexão à internet todo o tempo, sendo útil para muitos casos com conexões bastante baixas.

Várias marcas já aderiram ao PWA devido às grandes vantagens. Vocês podem estar pensando que os custos para criar um website com essa tecnologia é proibitivo. Muito pelo contrário! É uma solução bastante econômica, que pode ser implantada por profissionais autônomos, micro e pequenas empresas.

Se você é um agente de viagens e busca construir presença na internet, definitivamente um website dinâmico deve ser o ponto de partida. Você vai não apenas atrair a atenção de novos interessados, mas também fidelizar os clientes atuais. Eles utilizarão seu site com frequência todas as vezes que precisarem planejar e realizar uma nova viagem. Crie uma solução que foque nas tecnologias para dispositivos móveis, incremente com conteúdo relevante para o viajante, e desenvolva comunicações segmentadas conforme o interesse de cada um.

Qual é o próximo passo depois de ter o website criado? Atrair novos clientes pela internet para seu negócio, assunto que será o tema do próximo artigo. Uma dica: O Facebook não é a única forma de captação! Em vários casos e dependendo de como é utilizado, ele pode não ser a melhor alternativa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here