R11 Travel apresenta Celebrity Edge a trade de São Paulo

0
Ricardo Amaral, CEO da R11 Travel

A R11 Travel realizou um evento para divulgar o novo navio Celebrity Edge ao trade paulistano, na última terça-feira (14). A embarcação da marca Celebrity Cuises terá saída inaugural em dezembro deste ano, passando pelo Caribe Oeste e Leste.

O Celebrity Edge marca o início de uma nova fase da companhia de cruzeiros, que investiu US$ 500 milhões para renovar sua frota. Sob o conceito de luxo moderno, a armadora vai inaugurar um navio por ano até 2022.

De acordo com Ricardo Amaral, CEO da R11 Travel – marca que comercializa a Celebrity Cruises no Brasil – o navio Edge vai movimentar o mercado do Brasil. “Eu chamo o brasileiro de ‘novidadeiro’, porque ele gosta de tudo que inova, que é diferente. O Celebrity Edge chega exatamente com uma proposta de design e tecnologia única, diferente de tudo que já existe”, explicou.

O executivo ainda destacou o perfil de brasileiros que procuram luxo a um preço acessível: “É uma demanda que vem crescendo e que se encaixa com a proposta do Celebrity Edge”.

Parceiros

Durante o evento de divulgação do novo navio da Celebrity Cruises, Amaral destacou a importância das agências de viagem para o sucesso da R11 Travel. Ele afirmou que 80% das vendas da marca acontecem por meio das agências. Além disso, o executivo ainda revelou um crescimento de 20% no volume de novas agências entre 2017 e 2018.

“Esse é um evento muito mais comercial que promocional. Todos os convidados foram escolhidos pelo potencial de vender a Celebrity no Brasil. Nossos resultados são fruto de muito trabalho e capacitação de 2 mil agentes de viagens só em 2018”, comemorou Amaral.

Aniversário

Neste ano, se completa 2 anos desde que a R11 Travel assumiu a distribuição exclusiva das marcas Royal Caribbean International, Celebrity Cruises, Azamara Club Cruises e Pullmantur no Brasil.

“São dois anos de um resultado fantástico. Para o primeiro semestre, estabelecemos uma meta de aumentar em 8% os resultados das vendas, em comparação a 2017, mas já chegamos a 15%”, finalizou Amaral.

Veja mais notícias sobre Cruzeiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here