RDC prevê incremento de 15% no número de assinantes de viagens

Essa modalidade permite que uma empresa adquira grande quantidade de diárias junto à rede hoteleira e consiga descontos consideráveis para o consumidor

0

O serviço de assinatura de viagens vem crescendo no Brasil. Não há número oficiais, mas estima-se que, atualmente, 300 mil brasileiros utilizem esta modalidade de compra, que existe há pouco mais de três décadas no País. Com base no crescimento anual de uma das empresas pioneiras neste segmento, a RDC, é possível prever um incremento de pelo menos 15% no número de assinantes de viagens em 2019.

“Por meio de parcelas fixas mensais, o assinante recebe créditos equivalentes a sete diárias de viagem, os quais podem ser utilizados em diferentes perfis de estabelecimentos parceiros em todo Brasil e pelo mundo, como pousadas, hotéis e resorts. Os créditos, no entanto, não precisam necessariamente ser usados em hospedagens, podendo ser convertidos em pagamentos para outros serviços turísticos, como aéreo, aluguéis de autos, cama extra em hotéis, pacotes turísticos ou bilhetes de acesso a parques e outras atrações”, explica Marcos Dias, CEO da RDC.


LEIA MAIS:
+ Palihouse Miami Beach abre as portas com assinatura de Avi Brosh
+ CVC aprimora relação com clientes por meio de assinaturas eletrônicas
+ Menu de voos internacionais da Azul terá assinatura de Ana Maria Braga

Essa modalidade de negócio permite que uma empresa, como a RDC, que hoje tem mais de 70 mil assinantes, adquira grande quantidade de diárias junto à rede hoteleira e, desta forma, consiga descontos consideráveis, que são passados ao consumidor. Em alguns casos, essa possibilidade pode chegar a 60% do preço de uma diária, por exemplo. Somente em 2018, foram mais de 269 mil diárias utilizadas pelos assinantes na rede parceira de hotéis da RDC.

“Damos ao cliente a possibilidade de decidir seu destino com calma, modificar ou adiar uma viagem sem perda de investimento, diferentemente de uma compra parcelada de pacote de viagem, por exemplo, em que a decisão da viagem como um todo, destinos, datas, passeios, são feitas no ato da compra”, completa Dias.

O assinante da RDC, por exemplo, conta com mais de 20 mil hotéis, resorts e pousadas nacionais e internacionais acessíveis por meio da empresa. Em geral, o perfil do consumidor que opta por este tipo de serviço são famílias e casais das classes B e C – 67% e 26%, respectivamente –, que não abrem mão de viajar nas férias e de se hospedar em empreendimentos com preços mais acessíveis e com apoio para planejar roteiros.

De acordo com a RDC, seu público tem entre 35 e 55 anos, pertencentes às classes B (67%) e C (26%), são casados, possuem, em sua maioria, dois filhos, com superior completo, viajam em família, prezam por conforto durante as viagens, visam conhecer novos lugares, principalmente praias, e pretendem viajar pelo Brasil e exterior.


LEIA TAMBÉM:
- Empresários lançam plataforma que reúne dicas e roteiros personalizados
- Françatur anuncia roteiros exclusivos para o Réveillon e Carnaval
- Best Buy Hotel amplia portfólio com roteiros de motorhome no Canadá e EUA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here