Região Norte recebe R$ 29 milhões para desenvolvimento do setor aéreo

Na ocasião, associados à Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) anunciaram seus planos de expansão na Região Norte em 2021 e 2022

região norte
Foto: reprosução

Na última quarta-feira (24), o Ministério da Infraestrutura e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) assinaram um contrato para o desenvolvimento de projetos e obras de adequação na Região Norte, incluindo três aeroportos no Amazonas (AM), com investimento de R$ 29 milhões.

Na ocasião, os presidentes das companhias pertencentes à Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) anunciaram seus planos de expansão na Região Norte em 2021 e 2022, incluindo aumento no número de voos, novas cidades atendidas e maior capacidade de transporte de cargas.

“O ministro Tarcísio consolidou hoje um novo patamar de conectividade para a região amazônica. O setor aéreo está engajado nessa importante iniciativa do governo federal”, pontou Eduardo Sanovicz, presidente da Abear.

Participaram do encontro, realizado na sede do Ministério da Infraestrutura de forma hibrida (presencial e por meio de videoconferência) o presidente da Abear, Eduardo Sanovicz, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, o presidente da Infraero, Tenente-Brigadeiro do Ar Hélio Paes de Barros Júnior e o secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann.

A reunião também contou com a participação dos presidentes das associadas Abear: Paulo Kakinoff, da Gol, Jerome Cadier, da Latam Brasil e Eduardo Busch, diretor executivo da Voepass. Adalberto Bogsan, presidente da Asta, Gilberto Scheffer, presidente da Rima estiveram presentes, assim como Marcelo Ramos, vice-presidente da Câmara e outros parlamentares da Região Norte.

Deixe uma resposta