Saint Martin estima aumento gradativo de turistas após furacão em 2017

A parte francesa, Saint Martin, tem norte-americanos, canadenses e caribenhos como principais visitantes.

0
Aida Weinum, do Turismo de Saint Martin
Aida Weinum, do Turismo de Saint Martin

O otimismo é a principal força do Turismo de Saint Martin no momento. Destino insular importante na região do Caribe, que sofreu com a passagem do furacão Irma em 2017, o local inicia sua volta por cima e espera melhores resultados já em 2019. No primeiro semestre deste ano, 1.167.018 milhão de turistas estiveram na ilha.

Dentre a diversidade de atividades do local, principais apostas de Saint Martin estão no turismo náutico e no investimento hoteleiro. Com relação a primeira prática, por exemplo, mais de 995 mil turistas atracaram nos portos.

Por outro lado, a renovação e construção de hotéis ganha uma nova face em Saint Martin, com maior prevenção a desastres naturais. De acordo com Aida Weinum, gerente de Mercado para América do Sul e EUA do Turismo de Saint Martin, o local está mais do que bem equipado para voltar ao fluxo anterior de visitantes.

“Temos um total de 1308 quartos disponíveis no lado francês da ilha, que compõem um total de 2862 em timeshare. São acomodações diversificadas, desde 46 hotéis, incluindo resorts de luxo, até 86 vilas, hotéis-boutique da região”, finalizou a executiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here