Setur-PA assina termo de cooperação com Uepa

Por: Camila Oliveira

 

A Secretaria de Estado do Turismo do Pará (Setur) e Universidade do Estado do Pará (Uepa) assinaram, nesta sexta-feira (25), um Termo de Cooperação Técnico-Científica para fomentar a formação continuada de profissionais da área do turismo e contribuir para a produção de trabalhos voltados a ações e políticas públicas para o setor. A assinatura do termo ocorreu na Sala de Recitais do Centro de Ciências Sociais e Educação (CCSE) da Uepa. Na ocasião, a Setur também fez a entrega do Prêmio “Olavo Lyra Maia” de trabalhos de conclusão de cursos de graduação em Turismo, numa parceria com a Faculdade Pan-Amazônica (Fapan)

 

O termo faz parte das ações do Pacto pelo Pará, lançado pelo Governo do Estado, para promover ações de desenvolvimento, tendo como eixo norteador a sustentabilidade. A partir do potencial turístico do estado, centrado em ações divididas entre os seis polos turísticos (Araguaia-Tocantins, Belém, Marajó, Amazônia Atlântica e Tapajós), a parceria prevê a expansão de cursos de qualificação, pós-graduação, projetos de pesquisa e extensão e, posteriormente, cursos de graduação em turismo.

 

Para o reitor da Uepa, Juarez Quaresma, a assinatura do termo de cooperação revela o estreitamento das relações entre a Universidade e o Governo do Estado, com vistas ao desenvolvimento regional.

 

“A Uepa é uma das instituições mais interiorizadas e os potenciais turísticos do estado estão no interior. A Uepa pode contribuir para a elaboração de projetos e formar profissionais qualificados para alavancar o turismo no nosso estado. Queremos estar atrelados a projetos de desenvolvimento. Desejo que o Termo possa render frutos, como a geração de trabalho e renda, e a melhoria da qualidade de vida da nossa população”, enfatizou o reitor.

 

Ainda no sentido de fortalecimento da gestão pública do turismo, o titular da Setur, Adenauer Góes, destacou a importância da expertise da Universidade em ações e pesquisas voltadas ao planejamento turístico.

 

Para o secretário, “isso mostra a capacidade de articulação entre os componentes da equipe de governo. Duas instituições que podem, de maneira parceira, contribuir para as políticas de Estado: a Uepa com a utilização de seus campi e professores, e a Setur levando aos seis polos de turismo perspectivas e estratégias que permitam o desenvolvimento de capacitação cada vez maior”.

Deixe uma resposta