SPTuris tem novos projetos para o Natal Iluminado 2015

A São Paulo Turismo (SPTuris, empresa municipal de turismo e eventos) recebe, até 13 de outubro, propostas de parceria com a iniciativa privada para o Natal Iluminado 2015, ação que ocorre de 28 de novembro de 2015 a 06 de janeiro de 2016. As empresas que participarem com decoração ou atividades natalinas na cidade de São Paulo irão integrar todo o projeto e também a divulgação do Natal paulistano.

Segundo a diretora de Eventos da SPTuris, Neli Casimiro, é uma boa oportunidade para exposição da marca em São Paulo. “As ações de Natal em São Paulo já são tradicionais e muito queridas pela população, que espera todos os anos por esse momento. Para as empresas, é uma chance única de divulgação, de estar nas ruas da maior metrópole e maior mercado do país. Além disso, podem relacionar sua marca a algo extremamente positivo e com valor emocional para as pessoas”, disse.

Além de locais como a Avenida Paulista, outros pontos são sugeridos para as intervenções, como o Mercado Municipal (Mercadão), o Theatro Municipal, a Represa de Guarapiranga, a Praça Charles Miller, o Vale do Anhangabaú e novos locais que os parceiros podem indicar para análise. “São lugares por onde passam milhares de pessoas todos os dias, que vão associar a imagem das empresas a um bom projeto da cidade, feito para as pessoas”, reforçou a diretora.

Sucesso de público

No Natal Iluminado de 2014, uma pesquisa inédita, realizada pelo Observatório de Turismo e Eventos, núcleo de pesquisas e inteligência de mercado da SPTuris, mostrou que cerca de 90% do público queria que a Prefeitura de São Paulo continuasse investindo na decoração natalina e quase 80% deram nota acima de 7 para a iniciativa.

A pesquisa mostrou ainda que mais de 22% do público foi conferir as atrações motivado pelo passeio ou lazer, 21,6% pela beleza da decoração e das luzes, e 21% foi visitar os locais por causa dos filhos, crianças e família.

Cerca de 60% dos entrevistados já costumam visitar as atrações de Natal em São Paulo e a proporção foi de 11% de visitantes de outras cidades. Além disso, 13,3% dos entrevistados tinham parentes de outros municípios hospedados em suas residências no momento da pesquisa, que ficaram, em média, 5,44 pernoites e gastaram cerca de R$ 347,95.

Informações: www.spturis.com

 

FA

Deixe uma resposta