Turismo de experiência: Startup capixaba investe na criação de rede estadual

Empreendimentos interessados devem se cadastrar na plataforma para ter consultoria voltada à adequação do negócio

turismo de experiência
Pedra Azul, no Espírito Santo (Foto: Yuri Barichivich)

Turismo de experiência é o caminho apontado por diversas pesquisas para atender aos anseios do viajante pós-pandemia. E é exatamente essa a estratégia da Espírito em Rede, startup capixaba que investe em produtos nesses parâmetros para impulsionar o setor no estado. A ideia não saiu do papel agora. Desde 2018, as quatro empreendedoras que fundaram a startup focam todos os seus esforços para criar memórias indeléveis nos turistas que optam por desbravar as belezas capixabas. A pandemia do novo coronavírus direcionou as fundadoras a se reinventar dentro dessa ambiciosa proposta e foi daí que surgiu a ideia de agregar mais parceiros ao projeto.

Segundo Cássia Coppo, CEO da Espírito Santo em Rede, os roteiros são criados para resgatar as memórias afetivas dos turistas em trajetos de curta distância para ambientes naturais. “Nossa ideia é ajudar mais empreendimentos capixabas que corroboram com a mesma ideia e têm capacidade de trabalhar dentro desse conceito. A ideia do ‘Movimento Espírito em Rede’ é justamente reunir todos em um só lugar, queremos formar uma rede de experiências que vão despertar dentro da alma dos visitantes uma lembrança de alguma coisa que ele já viveu, além de outras totalmente novas”, explica.

Inicialmente direcionado ao próprio capixaba, ao movimento pretende fazer com que os locais reconheçam o potencial dessas experiências de norte a sul do estado. “Só estamos facilitando esse processo, revelando as belezas e criando toda a infraestrutura necessária para que esse turista possa realizar uma viagem única e exclusiva, com toda a segurança”, completa.

Como participar?

Empreendimentos capixabas interessados em fazer parte da rede devem se cadastrar no site e aguardar o retorno sobre a avaliação da experiência proposta. O estudo de estruturação do negócio também pode ser contratado com a startup. “Nós facilitamos a estruturação e colocamos o produto à venda na prateleira”, ressalta Cássia.

A CEO da Espírito em Rede reforça que o grupo acredita na força do Turismo regional e na união de serviços altamente capacitados para ofertar experiências únicas que possam agregar valor, ajudando na geração de emprego e renda às comunidades locais. “A mudança no mundo é inevitável, precisaremos decidir qual é o futuro que queremos deixar para os nossos filhos. E o turismo consciente faz parte, sem dúvida, desse processo”, defende.

Um dos empreendimentos que já faz parte do “Espírito em Rede” é o da Família Venturim, em Venda Nova do Imigrante. “A experiência que já oferecíamos, que envolve café e massas caseiras, saiu do amadorismo e se transformou em um momento rural inesquecível para o turista. Seguimos todas as orientações que nos foram oferecidas e continuamos nos aprimorando cada vez mais com a consultoria permanente da startup. Tenho certeza que após esse momento difícil que estamos vivendo, muitas pessoas vão querer nos visitar”, afirma Ana Venturim, uma das proprietárias do empreendimento.

Andreia Rosa, secretária-executiva do Montanhas Capixabas Convention & Visitors Bureau, também comemora a iniciativa. Na opinião dela, a oportunidade de construir experiências únicas e exclusivas aos visitantes, agrega valor tanto aos empreendimentos quanto para a região e permite aprimorar a oferta de agroturismo de forma coletiva e colaborativa.

“O turismo de experiência fazia parte do dia a dia das propriedades, mas acontecia de forma espontânea e de acordo com as características de cada uma. O ‘Espírito em Rede’ promove a qualificação com o propósito de oportunizar ao visitante um momento único de conhecer, por exemplo, desde o plantio da matéria-prima, a transformação, até a hora de consumir. Isso gera uma proposta de valor e, consequentemente, renda para os empreendedores”, diz Andreia.

Lançamento de vídeo

Para mostrar esse momento de mudança pela qual o “Espírito em Rede” está passando, a startup acaba de lançar um vídeo mostrando as belezas capixabas que destacam o potencial do estado para se transformar em um destino referência no assunto. “Oferecemos a consultoria para profissionalizar essas experiências únicas e exclusivas que existem, com certeza, em todo o estado, mas estão escondidas por falta de qualificação específica, que mostre esse conceito aos empreendimentos, dando o caminho para eles transformarem seus negócios, atraindo não só capixabas, mas turistas de outros lugares do Brasil e até do mundo”, finaliza Cássia.

Mais informações: (27) 99294-5821, @espiritoemrede (Instagram) ou pelo site.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui