Turismo internacional cresceu na América do Sul em 2014

Por: Chris Flores

A América do Sul foi uma das regiões com maior crescimento no turismo internacional em 2014. É o que aponta o estudo UNWTO World Tourism Barometer, recém-divulgado pela Organização Mundial do Turismo (OMT), com dados preliminares de 2014. Com 29 milhões de visitantes estrangeiros no ano passado, a América do Sul teve um aumento de 6%, o dobro em relação a 2013.

 

Para a OMT, a realização da Copa do Mundo no Brasil contribuiu para os resultados positivos na América do Sul. A entrada no Brasil de visitantes internacionais aumentou em 10% nos sete primeiros meses de 2014, e 60% nos meses de junho e julho. O torneio mundial trouxe mais de 1 milhão de visitantes ao País no ano passado.

 

“A Copa do Mundo 2014, disputada no Brasil, foi um sucesso. Para o turismo brasileiro, o torneio foi uma oportunidade de milhares de visitantes do exterior conhecerem o País, vivenciar a diversidade da nossa cultura, da nossa gastronomia e conhecer o nosso povo. Com a Copa, nosso País se consolidou como palco de grandes eventos”, afirmou o presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vicente Neto.

 

O incremento do turismo mundial está relacionado ao aumento na oferta de voos internacionais. De acordo com levantamento da Embratur, em 2014 houve crescimento de 30,97% no número de voos internacionais para o Brasil, em comparação com 2010. Os dados mostram que a América Latina continua sendo a região com maior quantitativo de voos com destino para o Brasil. O número passou de 26.624 em 2010, para 34.107 voos em 2014, representando incremento de 28,10% na malha aérea com nosso País.

 

Dentro do subcontinente, a Argentina se mantém como principal emissor de turistas para o Brasil, inclusive com maior oferta de voos em relação aos demais países vizinhos. Foram 13.817 em 2014. E agora em janeiro, Brasil e Argentina ganharam mais uma ligação aérea, com voos diretos e semanais entre Buenos Aires e Recife.

 

Informações: www.embratur.gov.br

 

 

CF

Deixe uma resposta