Uma sexta complicada nos atrasos aéreos, 25% dos voos foram afetados

Por: Antonio Euryco

As más condições meteorológicas desta sexta (27) observadas em regiões do Brasil que tem maior movimentação no tráfego aéreo (São Paulo e Sudeste, principalmente), foram decisivas para estabelecer atrasos de 25,6%, com mais de 670 voos. A situação mais complicada  foi a da  capital paulista, o aeroporto de Congonhas,  teve problemas em 106 (44,5%) dos 238 voos  programados. Os atrasos em Cumbica foram de 65 (26,4%) dos 246 programados.

 

Os dados da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) mostraram que 39 (22,7%) dos 172 voos saíam com atraso no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.  O Aeroporto do Galeão teve 47 (29,6%) dos 159 voos atrasados. Em Belo Horizonte (MG), 25 (16,6%) das 151 aeronaves registraram atrasos no aeroporto Tancredo Neves-Confins.

 

AE

Deixe uma resposta