Unedestinos apresenta plano de trabalho ao ministro do Turismo

Por: Chris Flores

A diretoria da União Nacional das Entidades de Destinos (Unedestinos) foi a Brasília na última semana para apresentar a missão e os objetivos da recém-criada entidade ao ministro do Turismo, Henrique Alves. O Floripa Convention & Visitors Bureau é sócio-fundador da Unedestinos e ocupa uma cadeira na vice-presidência institucional, que é representada por Marco Aurélio Floriani, também presidente do Floripa Convention.

 

No encontro com o ministro, o presidente da Unedestinos, Bruno Herbert – presidente do Recife Convention –  entregou o plano de trabalho e aproveitou a oportunidade para apresentar as contribuições que as entidades empresariais elaboraram para auxiliar no planejamento operacional da Embratur. O ministro demonstrou satisfação com a proposta da entidade e convocou o secretário executivo Alberto Alves para uma reunião de trabalho.

 

A Unedestinos foi instituída no evento WTM Latin America, realizado no mês de abril em São Paulo, e seus principais eixos estratégicos são representar os interesses de suas entidades associadas, compartilhar ações e capacitar os profissionais para atuar na captação e promoção dos destinos. Floriani reforçou que a criação da entidade vai promover a união e dar visibilidade nacional ao setor de turismo de lazer e eventos. “Como o setor abriga 52 segmentos econômicos, a promoção dos destinos de forma organizada pode ser uma das saídas para incrementar a economia e aumentar o nível de emprego neste momento de desafios para o País”, completou.

 

Além dos Conventions Bureaux e associações de destinos associadas, a Unedestinos conta com um conselho consultivo que é formado pelas principais entidades do trade e um grupo de consultores técnicos especializados. A Unedestinos é composta atualmente por 25 Conventions que, somente no ano passado, apoiaram e captaram mais de cinco mil eventos para seus destinos, representando aproximadamente três mil empresas associadas e que são responsáveis pela geração direta de aproximadamente 110 mil empregos na cadeia produtiva de turismo, viagens e eventos.

 

 

CF

Deixe uma resposta