Unidas anuncia os resultados do 3º trimestre

(Foto: Divulgação)

A Unidas, especializada em soluções de gestão de frotas e locação de veículos, anuncia os resultados e mostra melhora na lucratividade se comparado com os nove primeiros meses de 2015. Outro destaque é a marca histórica de taxa de ocupação no segmento de aluguel que atingiu 85,3%, ficando 9,9 pontos percentuais acima do 3º trimestre de 2015. A locadora também se beneficiou do aumento da venda de carros seminovos diante da desaceleração da economia e retração do crédito.

“A companhia encerra os primeiros nove meses de 2016 com um resultado consistente, fruto das melhorias operacionais desenvolvidas ao longo do ano e do importante projeto com a Nissan que nos beneficiou com forte atuação durante os Jogos Olímpicos. Mesmo diante de momento desafiador da economia brasileira, conseguimos aumentar nossa eficiência capturada com uma melhora na taxa de ocupação. O ingresso da Enterprise como acionista traz para a Unidas a expertise da maior locadora do mundo. Por compartilharmos os mesmos valores e busca constante pela melhor qualidade de serviço do segmento com um time de alta performance, esperamos uma parceria vitoriosa”, explicou Pedro de Almeida, presidente da Unidas.

Números:

  • Aumento de 8,3% do lucro antes de depreciação e amortização (EBITDA), em comparação com os primeiros nove meses do ano passado, alcançando R$ 278,9 milhões.
  • A Receita Líquida Consolidada da companhia cresceu 9,3% na comparação aos R$ 847,2 milhões registrados nos primeiros nove meses de 2015, atingindo R$ 926,4 milhões.
  • Crescimento do número de diárias de 14,2%, chegando a 3.338 mil diárias nos primeiros nove meses de 2016.
  • A receita líquida do segmento de Terceirização de Frota apresentou um aumento de 43,3% no terceiro trimestre de 2016, alcançando R$ 101,9 milhões. A margem EBITDA no segmento atingiu 75,8%, 7,6 pontos percentuais superiores a margem EBITDA de 68,2% do terceiro trimestre de 2015.
  • Nos primeiros nove meses de 2016, a Receita Líquida do segmento de Seminovos apresentou crescimento de 7,0%, passando de R$398,7 milhões para R$426,8 milhões.
  • A companhia encerrou o terceiro trimestre de 2016 com 262 estabelecimentos de aluguel e venda de veículos, sendo 118 lojas próprias e 144 franqueadas.
  • Com a operação de captação de debêntures que captou R$ 150 milhões, a companhia soluciona a amortização das dívidas com vencimento previstos para final de 2016 e primeiro trimestre de 2017.

 

Equipe de Redação

Deixe uma resposta