United Airlines anuncia incremento supersônico em aeronaves

A tecnologia empregada nos aviões da United Airlines reduzirá o tempo de viagem pela metade, além de operar com combustível sustentável

Avião da United Airlines
Foto: reprodução

A United Airlines acaba de anunciar um acordo comercial para a compra de 15 aeronaves ‘Overture’ da empresa Boom Supersonic. A tecnologia empregada nos dispositivos reduzirão o tempo de viagem pela metade e operarão com combustível  de aviação 100% sustentável.

“A United Airlines e a Boom compartilham um propósito comum – unir o mundo com segurança e sustentabilidade. Em velocidades duas vezes mais rápidas, os passageiros da United experimentarão todas as vantagens da vida vivida pessoalmente, desde relacionamentos de negócios mais profundos e produtivos a férias mais relaxantes em destinos distantes”, pontua Blake Scholl, fundador e CEO da Boom Supersonic.

A compra será finalizada assim que a Boom Supersonic atender aos requisitos de segurança, operação e sustentabilidade da United, com opção para a compra de 35 aeronaves adicionais.

A United Airlines planeja o lançamento para 2025 com inicio das operações em 2026 e transporte de passageiros até 2029. “A United continua com a sua trajetória para construir uma companhia aérea mais inovadora e sustentável e os avanços atuais em tecnologia estão tornando mais viável a inclusão de aviões supersônicos. A visão da Boom para o futuro da aviação comercial, combinada com a rede de rotas mais robusta da indústria no mundo, dará aos viajantes de negócios e lazer acesso a uma experiência de voo estelar “, disse Scott Kirby, CEO da United Airlines.

A tecnologia empregada oferece velocidades de Mach 1,7, o dobro da disponível em aviões comerciais.  A Overture também será projetada com recursos como telas de entretenimento nos assentos, amplo espaço pessoal e tecnologia sem contato. Trabalhar com a Boom é outro componente da estratégia da United de investir em tecnologias inovadoras que construirão um futuro de viagens aéreas mais sustentável.

“O primeiro contrato de compra do mundo para aeronaves supersônicas com emissão zero de carbono marca um passo significativo em direção à nossa missão de criar um mundo mais acessível”, disse Scholl

Deixe uma resposta