United Airlines e Archer Aviation trabalham em aeronaves elétricas

A iniciativa da United Airlines visa reduzir a emissão de poluentes na atmosfera. As aeronaves serão elétricas e operarão curtas distâncias

united airlines
Foto: reprodução

A United Airlines acaba de anunciar a conclusão de um acordo para trabalhar com a empresa de mobilidade aérea Archer para investir em tecnologias emergentes a fim de descarbonizar as viagens aéreas. Ao invés de depender de motores de combustão tradicionais, as aeronaves de decolagem e aterrissagem verticais da Archer (eVTOL) são projetadas para usar motores elétricos

“Parte de como a United vai combater o aquecimento global será adotando tecnologias emergentes que descarbonizem as viagens aéreas. Ao trabalhar com a Archer, a United está mostrando à indústria da aviação que agora é a hora de adotar meios de transporte mais limpos e eficientes. Com a tecnologia certa, podemos conter o impacto que as aeronaves causam no planeta, mas temos que identificar a próxima geração de empresas que logo farão disso uma realidade e encontrar maneiras de ajudá-las a decolar”, afirma Scott Kirby, CEO da United Airlines.

Dentro dos termos do acordo, a United contribuirá com sua experiência em gerenciamento do espaço aéreo para auxiliar a Archer no desenvolvimento de aeronaves de curta distância alimentadas por bateria. Assim que a aeronave estiver em operação e atender aos requisitos operacionais e comerciais da United, a companhia, junto com a Mesa Airlines, adquirirá uma frota de até 200 dessas aeronaves elétricas que serão operadas por um parceiro.

A companhia aérea foi uma das primeiras investidoras da Fulcrum BioEnergy e recentemente fechou parceria com a 1PointFive, uma joint venture entre a Oxy Low Carbon Ventures e a Rusheen Capital, para acelerar o estabelecimento de tecnologia de captura direta e sequestro de ar.

“O design do eVTOL da Archer, modelo de fabricação e experiência em engenharia têm o claro potencial de mudar a maneira como as pessoas se locomovem nas principais cidades metropolitanas do mundo”, pontua o CEO da United Airlines.

Liderada pelos co-fundadores e co-CEOs Brett Adcock e Adam Goldstein, a missão da Archer é promover os benefícios da mobilidade aérea sustentável em escala. A Archer planeja revelar sua aeronave eVTOL em escala real em 2021, começar a produção de aeronaves em 2023 e lançar voos com passageiros em 2024.

“Não poderíamos estar mais felizes de trabalhar com uma companhia aérea global estabelecida como a United. Este acordo representa muito mais do que apenas um acordo comercial para nossas aeronaves, mas sim o início de um relacionamento que acreditamos que irá acelerar nosso cronograma de lançamento no mercado como resultado da orientação estratégica da United em torno da certificação FAA, de operações e de manutenção”, disse Brett Adcock, co-CEO e co-fundador da Archer.

Adam Goldstein, co-CEO e cofundador da Archer acrescentou “a equipe da United Airlines compartilha nossa visão de um futuro mais sustentável. Estamos trabalhando em estreita colaboração com seus pilotos de teste e equipes ambientais para tornar a mobilidade aérea urbana sustentável uma realidade muito mais cedo do que as pessoas jamais poderiam imaginar.”

Deixe uma resposta