Velocímetro: Alagev lança medidor de atividades corporativas

Segundo Eduardo Murad, diretor executivo da Alagev, os profissionais de eventos poderão utilizar a plataforma para auxiliar na tomada de decisões

Alagev Lacte L²ACTE²
Eduardo Murad, diretor Executivo da Alagev

A Alagev lançou, na última sexta (5), o Velocímetro da Retomada. A nova ferramenta tem como objetivo medir a evolução do mercado e da geração dos negócios com base no cotidiano de gestores de viagens e de eventos corporativos. A plataforma será atualizada a cada 15 dias. Segundo Roberta Moreno, presidente da Alagev que recentemente assumiu o cargo, os eventos físicos continuarão a acontecer, mesmo com alguns resguardos ou novos modelos de atuação.

“A pandemia trouxe alguns aprendizados e os eventos híbridos vieram para ficar, mas não substituirão o modelo tradicional de evento que conhecemos. As viagens também serão afetadas, mas não extintas. Por mais que a tecnologia seja uma grande aliada, há situações em que a presença física continua a ser essencial”, completa a profissional.

O Velocímetro da Retomada possui a função de orientar o mercado a respeito de como as atividades estão se reaquecendo, conforme registros de gestores de viagens e eventos corporativos que trabalham de forma fiel as operações do setor. Para contribuir, é necessário um cadastro e, na sequência, responder a um questionário disponibilizado. De 0 a 10, os gestores devem responder o percentual de atividade da empresa, frente ao ano passado nos seguintes aspectos:

  • Viagens domésticas de avião;
  • Viagens internacionais de avião;
  • Hospedagem doméstica;
  • Hospedagem internacional;
  • Locação de carro doméstica;
  • Locação de carro internacional;
  • Viagem de ônibus doméstica e
  • Viagem de ônibus internacional

Já os profissionais de eventos respondem os seguintes indicadores:

  • Eventos até 100 participantes
  • Eventos nacionais entre 101 e 500 participantes
  • Eventos nacionais entre 501 e 1000 participantes
  • Eventos nacionais com mais de 1000 participantes
  • Eventos internacionais até 100 participantes
  • Eventos internacionais entre 101 e 500 participantes
  • Eventos internacionais entre 501 e 1000 participantes
  • Eventos internacionais com mais de 1000 participantes
  • Viagens de incentivo

Com base nas informações, o ponteiro do velocímetro se move de 0 a 100.

De acordo com Eduardo Murad, diretor executivo da Alagev, ressalta a importância das informações atualizadas para o mercado no sentido de auxiliar os profissionais a tomarem decisõese ajudar a cadeia como um todo, focando em esforços em atividade que já iniciaram a retomada.

“Dentro da indústria turística, o mercado de viagens e eventos corporativos está entre os primeiros setores que contribuirão para a retomada. Ter esse acompanhamento periódico, em tempo real, de como as empresas estão enxergando e sentindo o movimento, permite que os demais players impactados também estejam preparados com informações confiáveis para prestar serviços e tornar o reinício do setor mais resiliente”, finaliza.


Deixe uma resposta