Viracopos recebe da Anac nota alta em Segurança Operacional

O trabalho é realizado pela área de Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional (Sgso)

Viracopos

Na última segunda-feira (13), o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), obteve 223 pontos do total de 230 pontos possíveis na auditoria realizada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) sobre segurança operacional.

“A segurança operacional é resultado do trabalho de todos, sejam colaboradores da concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, empresas contratadas, companhias aéreas, órgãos anuentes e forças policiais. Assim, toda a comunidade aeroportuária de Viracopos está de parabéns pelos esforços diários para gerenciar os riscos das operações aeroportuárias objetivando garantir a vida das pessoas e a integridade das instalações e equipamentos, esforços esses refletidos nos fantásticos resultados da auditoria da Anac”, pontua Marcelo Mota, diretor de Operações de Viracopos.

O trabalho é realizado pela área de Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional (Sgso). O departamento promove a melhoria contínua da segurança operacional, por meio da identificação de perigos, avaliação e controle dos riscos da operação, além da criação de uma cultura de segurança.

A auditoria de Vigilância Continuada e a Auditoria Remota da Anac no sistema de Gestão da Segurança Operacional do Aeroporto de Viracopos ocorreram na semana passada e foram realizadas por uma equipe de cinco auditores.

“O resultado da auditoria repercute todo o esforço da equipe Viracopos para manter as operações seguras, porém essa guerrilha não tem vitória. É uma batalha sem fim na identificação e eliminação de riscos para a aviação e, comprometidos, vamos continuar trabalhando em prol da segurança operacional”, disse a gerente de Sgso de Viracopos.

A avaliação geral da Implementação do Sgso que indica a qualidade das medidas dotadas pelo aeroporto, numa faixa de 0 a 100%, denota pontuação de 97% para o aeroporto de Viracopos. Já a nota geral do aeroporto na Efetividade foi de 0,99.

O Sgso para os provedores de serviços da aviação civil e o Programa de Segurança Operacional Brasileiro (PSO-BR) integram o gerenciamento de risco dentro dos modernos conceitos de gestão, de maneira a garantir a segurança operacional de forma proativa. O Sgso enfatiza a gestão da segurança como um processo de negócio fundamental a ser considerado de forma equivalente a outros aspectos da gestão empresarial.


Deixe uma resposta