Washington (EUA) recebe recorde de 23,8 milhões de turistas em 2018

Atualmente, os maiores mercados internacionais de Washington são China, Brasil, Austrália, França, Coréia do Sul, Itália e Espanha

0
A Casa Branca, um dos maiores pontos de interesse em Washington
A Casa Branca, um dos maiores pontos de interesse em Washington

Washington, nos Estados Unidos, consolidou o nono recorde consecutivo de visitantes em 2018. A capital americana recebeu 23,8 milhões de visitantes no último ano, que movimentaram US$ 7,8 bilhões.

Dos 23,8 milhões de visitantes registrados 21,9 milhões foram de turistas domésticos e 1,9 milhões de viajantes internacionais, com destaque para a China, que levou 226 mil visitantes para o destino.

O número de visitantes registrados em Washington em 2018 é 4,4% maior do que 2017, ou um milhão de pessoas a mais. Já os gastos de quase US$ 8 bilhões no último ano são 4,3% superiores a 2017.


LEIA MAISLufthansa Group terá cinco rotas sazonais entre Alemanha e EUA em 2020Showtime! IPW Anaheim destaca oferta dos EUA para o mundo
+ Azul anuncia voo entre Belo Horizonte (MG) e Fort Lauderdale (EUA)

Contudo, se levado em conta apenas o número de visitantes internacionais, os dados mostram queda de 5,3% no fluxo. Apesar de representarem apenas 8% do número total de turistas, os estrangeiros correspondem a 27% da movimentação de dinheiro com turismo.

Atualmente, os maiores mercados internacionais de Washington são China, Brasil, Austrália, França, Coréia do Sul, Itália e Espanha.

“nosso objetivo como organização de desenvolvimento econômico é trazer mais visitas e renda para o distrito, então estamos entusiasmados de ver os resultados de um milhão de visitantes extras no último ano”, destacou Elliott Ferguson, CEO do Destination DC.


Leia Também:
Bahamas mantém 95% das operações normais após furacão Dorian
Região dos Alpes Franceses recebe 55 milhões de turistas por ano
Sol e praia ainda se destacam no Nordeste; confira índices

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here