ABIH divulga ocupação hoteleira para o Carnaval

Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional e do Sindhotéis-CE

A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH Nacional) divulgou hoje (25), a pesquisa sobre a ocupação hoteleira pelo país durante o Carnaval.

No levantamento feito pela ABIH Nacional, em primeiro lugar aparecem Alagoas e Sergipe, com 80% de seus quartos reservados para o período. Em seguida, ainda na Região Nordeste, vem Rio Grande do Norte (70%), Pernambuco (67%), Ceará (65%), Bahia (52%), Paraíba (47%), Piauí (45%) e Maranhão (40%).

Na Região Sudeste, o Rio de Janeiro e Espírito Santo chegam a 72%, com São Paulo e Minas Gerais ficando em 50%, mesmo número de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, enquanto o Paraná lidera entre os estados da Região Sul, alcançando 65%. Já no Centro-Oeste, Goiás tem maior procura com 50%, seguido de Brasília (47%), Mato Grosso e Mato Grosso do Sul (40%). Na Região Norte, a hotelaria de Tocantins estima em 45% a ocupação durante o Carnaval.

Manoel Linhares, presidente da entidade, ressaltou que o resultado pode ser considerado satisfatório, diante do difícil momento que o país enfrenta em consequência da pandemia, mas está muito abaixo de anos anteriores. “Em alguns destinos mais tradicionais como as capitais carioca, baiana e pernambucana e outras cidades nordestinas, os hotéis costumam chegar próximo de 100% de ocupação nessa época”, afirmou.

Para Manoel Linhares outras questões fundamentais para o turismo e a hotelaria precisam ser encaminhadas para que não tenhamos ainda mais meios de hospedagem fechando suas portas no país.

“Precisamos aprovar com urgência a Lei Geral do Turismo que se encontra na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal aguardando votação, encaminhar de uma vez por todas a reforma tributária, além de revisar os juros do Fundo Geral do Turismo (Fungetur) que hoje estão em torno de 18%, o que faz com que os empresários não venham conseguindo honrar seus compromissos”, ressaltou.

Deixe uma resposta