United Airlines financia empresa para desenvolver combustível sustentável

A United Airlines Ventures e a Oxy Low Carbon Ventures se unem para financiar a empresa de biotecnologia Cemvita Factory na criação de um novo combustível de aviação sustentável (SAF)

UNited Airlines

Através de seus fundos de capital de risco corporativo, a United Airlines Ventures (UAV) e a Oxy Low Carbon Ventures (OLCV) anunciaram nesta segunda-feira (28) que estariam se unindo à empresa de biotecnologia Cemvita Factory para trabalhar na produção de combustível de aviação sustentável (SAF).

A OLCV, subsidiária da Occidental, é investidora fundadora da Cemvita, que também passará a receber investimentos de capital da UAV. O produto, por sua vez, seria sintetizado através de um processo envolvendo dióxido de carbono (CO2) e micróbios sintéticos criados em laboratório.

A SAF seria apresentada ao mercado de aviação como uma alternativa baseada em matéria-prima não derivada do petróleo, reduzindo então as emissões de gases de efeito estufa. A UAV e a OLCV financiarão a pesquisa e desenvolvimento do protótipo, e, caso seja bem-sucedido, serão comercializados por uma joint venture entre ambas.

“A Cemvita Factory tem o prazer de se unir à United Airlines e à Oxy para trabalhar com esse empolgante desenvolvimento”, comenta Moji Karimi, cofundador e CEO da Cemvita. “Aplaudimos a United Airlines e estamos orgulhosos em trabalhar mais uma vez com a OLCV para fornecer essas soluções em uma escala mais ampla.”

Com o anúncio, se tornam três a quantidade de projetos financiados pela United Airlines Ventures relacionados à área de combustíveis SAF, colocando em prática planos da companhia aérea de zerar sua pegada de carbono até 2050, sem a utilização de compensações.

“Na United, temos sido consistentes em liderar o setor aéreo com ações ousadas quando se trata de combater as mudanças climáticas – que começa com a construção de um ecossistema em torno de empresas como a Cemvita Factory para criar e comercializar novas tecnologias SAF”, disse Michael Leskinen, presidente da Empreendimentos United Airlines. “Este é realmente um imperativo global, e essa cooperação com a Oxy Low Carbon Ventures reflete nossa dedicação em construir relacionamentos entre setores e trabalhar com empresas alinhadas com nossos objetivos de sustentabilidade.”

“A United busca agressivamente por investimentos em produtores de SAF e tecnologias revolucionárias, incluindo captura de carbono, motores elétricos de hidrogênio, aeronaves regionais elétricas e mobilidade aérea urbana. O SAF tem o potencial de fornecer o desempenho do combustível de aviação comum, mas com uma fração de sua pegada de carbono”, conclui a companhia em nota.

Deixe uma resposta